Lies for the Liars

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Emblem-scales.svg
A neutralidade desse artigo (ou seção) foi questionada, conforme razões apontadas na página de discussão. (desde setembro de 2011)
Justifique o uso dessa marca na página de discussão e tente torná-lo mais imparcial.
Lies for the Liars
Álbum de estúdio de The Used
Lançamento 22 de maio de 2007
Gênero(s) Post-hardcore, rock alternativo
Duração 39:50
Idioma(s) inglês
Gravadora(s) Reprise
Produção John Feldmann
Cronologia de The Used
Último
Último
In Love and Death
(2004)
Shallow Believer
(2008)
Próximo
Próximo

Lies for the Liars é o terceiro álbum de estúdio da banda The Used, lançado dia 22 de maio de 2007. O primeiro single foi "The Bird and the Worm".

Som[editar | editar código-fonte]

A música de abertura, "The Ripper", traz uma pesada introdução do disco mostrando tudo, sabiamente, em "múltiplas sessões". A música faz uma introdução ao disco todo, ou seja, na música "The Ripper" é possível encontrar um pedaço do estilo de cada música. Quando a música começa a tocar, rapidamente ela toma um outro rumo, ficando calma, quando, de repente, são adicionados a voz de Bert McCraken e alguns efeitos de eco. Então eles começam a "mergulhar", com alguma sutileza, mas num efetivo trabalho sintetizador. A música não representa o maior trabalho criativo da banda no álbum, mas proporciona alguns momentos únicos.

"Paralyzed" tem uma introdução na guitarra que é, provavelmente, umas das mais atraentes do disco. Ela não se parece com uma canção que possa ser lançada como um single, mas é uma das canções que agarra o ouvinte como que imediatamente apenas com seu riff na guitarra. Enquanto nos versos ela não é muito boa, no refrão ela é boa o suficiente para ser considerada uma das melhores faixas do disco. O grande final da música, que parece ter vindo de lugar-nenhum, faz uma ótima adição a ela.

O que mais apela nesse disco é o fato de a banda tê-lo realizado com diferentes sons e instrumentos. Melhor que dividindo o disco em quatro pedaços, o The Used vai muito além. O single "The Bird and the Worm" é um ótimo exemplo, com o uso de uma calma ameaçadora e sons vibrantes. Vocalmente, McCraken está no seu melhor e dá à música um som épico. Se a banda puder recriar sons como esse, mais poder a eles.

Letras[editar | editar código-fonte]

Uma das mais interessantes letras do disco é a música "Liar, Liar (Burn in Hell)". Desenhando-a como uma rima infantil, a banda deu a música uma "torção madura". McCraken canta "Liar, liar, house on fire; And the glass tastes nasty chewing fat about; Your dummy hurts you, you motherf*%er; No they never loved you.”. É sempre interessante ouvir uma "torção madura" como essa, em provérbios, mesmo se este soar meio amargo.

Enquanto nem toda canção é tão inteligente quanto "Liar, Liar (Burn in Hell)", tem-se letras que são frequentemente divertidas. Em "The Ripper", McCracken canta "Time Kills, Go ask Jesus; I'm done, makes no difference; Stare straight, stare at the sun; I'm done, makes no difference". A banda não faz alusões a letras certinhas que nunca haviam sido ouvidas antes, e isso torna-a mais gostosa de ser ouvida.

Impressão[editar | editar código-fonte]

O The Used aparentemente teve mais material para o primeiro álbum, mas espere algumas versões bônus que logo sairão. Enquanto as canções bônus ainda não foram avaliadas, as escolhidas para o disco deverão agradar muito aos fãs. Existem momentos raros, como quando a banda toca baladas como "Find a Way". Pode ser muito calma, mas o arranjo vocal é incrível.

O uso de efeitos pelo The Used é constante, o que pode perturbar muita gente. Mas a banda usa isso como forma de elevar a qualidade da música, e os sons adicionais trabalham nisso também. Para os que estão sentindo falta dos gritos, a banda agora os usa em partes que julgam apropriadas. The Used já provou no seu último disco que não tem medo de provar coisas novas. E só mais uma coisa: se você for paciente espere alguns minutos depois da última música para ouvir um pouco de hip-hop.

Faixas[editar | editar código-fonte]

  1. "The Ripper" - 2:56
  2. "Pretty Handsome Awkward" - 3:32
  3. "The Bird and the Worm" - 3:46
  4. "Earthquake" - 3:29
  5. "Hospital" - 2:57
  6. "Paralyzed" - 3:13
  7. "With Me Tonight" - 3:06
  8. "Wake the Dead" (com Monique Powell) - 4:14
  9. "Find a Way" - 3:23
  10. "Liar Liar (Burn in Hell)" - 2:52
  11. "Smother Me / Queso" (com Monique Powell) - 6:17
Ícone de esboço Este artigo sobre um álbum de The Used é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.