Liga Operária e Camponesa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita fontes fiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde março de 2013). Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Trechos sem fontes poderão ser removidos.
Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing.

A Liga Operária e Camponesa (LOC) é uma organização política brasileira tida como guerrilheira. Sua base ideológica é o que ela chama de "marxismo-leninismo-maoísmo"[1] .

Teve sua origem no MR8 (Movimento Revolucionário 8 de Outubro), que se notabilizou pelo sequestro do embaixador americano Charles Elbrick, em 1969, no auge da luta armada no Brasil. Em março de 1995, as atuais lideranças da LOC romperam com o MR-8, criticando sua intensa aproximação com o PMDB (Partido do Movimento Democrático Brasileiro) e o distanciamento da proposta de tomada do poder pelo operariado. Seis meses depois, a dissidência se reuniu em um convento no bairro de Santa Tereza, no Rio de Janeiro, e reorganizou nacionalmente o PCR (Partido Comunista Revolucionário), que ainda tinha bases no Nordeste. Um novo racha, desta vez no PCR, ocorreu em agosto de 1997 e um grupo liderado pelo ex-metalúrgico Albênzio Dias funda a LOC, com a disposição de desestabilizar o governo através de ações armadas.

A LOC se notabilizou, em 1999, à frente de um grupo de sem-casas contra a Polícia Militar, em uma área ocupada em Betim-MG. A LOC criou uma ONG para arrecadar dinheiro para a guerrilha, o Instituto de Educação do Trabalhador (IET), entidade que recebeu R$ 9,96 milhões do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT) no período de 1996 a 1999. Os ideólogos da LOC são: Marx, Lenin, Stálin, Mao Tsé-Tung, Abimael Guzmán (Sendero Luminoso)

Desde seu segundo Congresso a LOC tem atuado na clandestinidade, sabe-se que tem uma forte inflencia dentro dos Sindicatos que atuam a margem do governo, sendo que em Minas constitui uma organização chamada Liga Operária, além da Liga dos Camponeses Pobres que têm braços espalhados em várias partes do país.

Referências

Ver também[editar | editar código-fonte]

Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.