Lil Jon

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Lil Jon
Lil Jon em setembro de 2007
Informação geral
Nome completo Jonathan Mortimer Smith
Nascimento 27 de janeiro de 1971 (43 anos)
Origem Atlanta, Geórgia
País  Estados Unidos
Gênero(s) Rap/Hip-hop
Dirty South
Crunk
Snap music
Miami Bass
Rapcore
Instrumento(s) vocal
Período em atividade 1997 - atualmente
Gravadora(s) BME Recordings,TVT Records,Bad Boy Records
Afiliação(ões) The Eastside Boyz, Akon, Yelawolf, Lil Scrappy, Lil Skeeter, Sean Paul, E-40, Bohagon, Fabo, Nivea, Ciara, Pitbull, Usher, Ludacris, Ice Cube, Bone Crusher,Travis Barker

Lil Jon, nome artístico de Jonathan Mortimer Smith, (27 de Janeiro de 1971 em Atlanta, Geórgia) é um rapper, produtor, DJ e ator americano, além de ser fundador da gravadora BME Recordings. Criador do estilo Crunk, que consiste num estilo pesado, variando do Hip Hop, mas possui batidas muito mais dançantes e fortes, que animam a música.[1] [2] [3] [4] [5] [6]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Como começou[editar | editar código-fonte]

Lil Jon começou como Dj, e em 1989 terminou sua carreira em "Atlanta's Douglass High School". Em 1996, ele conheceu Lil Bo e Big Sam, assim formaram o grupo Lil'Jon & The East Side Boyz, para criar o álbum Get Crunk, Who U Wit: Da Album.Na época em que trabalhava como DJ com o seu tio Chris Judged e T-Pain em Atlanta, despertou o interesse de Jermaine Dupri (considerado um dos maiores produtores da história de todo o hip-hop). Assim Dupri chamou Jon para trabalhar no seu selo So So Def, ele apresentava um programa na rádio V103, fez vários remixes para artistas como: Usher, Ludacris, Too Short e Xscape.[1] [7] [3] [4] [5] [6]

Primeiros sucessos[editar | editar código-fonte]

Em 1996 lançou o álbum Get Crunk, Who U Wit: Da Album, a sua single Who You Wit tocou muito nas rádios de Atlanta trazendo mais fama para ele. Em 2001 ele estava pronto para lançar seu segundo álbum: We Still Crunk!!, as singles Put ya hood Up e Bia Bia com fortes batidas e vocais botaram ele de vez na cena do rap de Atlanta, essas duas canções com certeza ajudaram ele a sair do Sul para ser um cantor de reconhecimento nacional.[8] [3] [4] [5] [6]

Produções milionárias[editar | editar código-fonte]

muita gente fala que Lil Jon é muito melhor como produtor do que como cantor, não faltam referências para confirmar isso, ele produziu diversas músicas de sucesso como:

  • Yeah! (Usher) (a principal canção dele que o ajudou a ser o melhor cantor de 2004 do MTV Wards), além da Música do ano, ele produziu para diversas músicas de sucesso como:
  • Goodies (Ciara),
  • Step yo game up (Snoop Dogg),
  • Let's Go (Trick Daddy),
  • Tell Me When to Go (E-40) (que o ajudou a erguer sua audiência para uma escala nacional),
  • Culo (Pitbull (rapper)),
  • Damn! (YoungBloodZ)
  • Cyclone (Baby Bash)
  • Salt Shaker (Ying Yang Twins), diversas outras, e todos os seus sucessos, ele utrapasou seu mentor (JD), em um levantamento de uma famosa revista ele lucrou mais de 14 milhões de dólares em 2007 com sua carreira de cantor e principalmente produtor.

Discografia[editar | editar código-fonte]

Com os The East Side Boyz[editar | editar código-fonte]

  • Get Crunk, Who U Wit: Da Album (1997)
  • We Still Crunk!! (2000)
  • Put Yo Hood Up (2001)
  • Kings of Crunk (2002)
  • Crunk Juice (2004)

Solo[editar | editar código-fonte]

Video Games[editar | editar código-fonte]

Lil Jon também apareceu em alguns jogos.

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Em todos os filmes ele faz um papel menor que um minuto.

  • Festa No Ar (no papel dele mesmo, no filme ele faz um show com o Ying Yang Twins)
  • Boss'n Up (esse é um filme músical do Snoop Dogg)
  • Date Movie (papel muito semelhante ao do Festa no ar)
  • Scary Movie 4 (ele é o motorista de um carro que morre quando acertam uma peça de carro na cabeça dele)

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

O rapper Lil Jon selou seu caminho para o Guinness com o maior pingente de diamante já produzido. A jóia, com a frase “Crunk Ain't Dead”, tem nada menos que 19 cm de altura por 15 cm de comprimento e pesa mais de 2 quilos.

“Estou feliz que o Livro dos Recordes reconheceu a mim e a minha jóia ‘Crunk Ain’t Dead’. Eu cresci lendo e ouvindo falar sobre pessoas e celebridades que quebravam recordes no Livro dos Recordes e isso sempre me fascinou”, comemorou Lil Jon. “Agora que estou na lista, a sensação é ótima. Vamos só ver quantos rappers tentam superar o meu pingente e quebrar o recorde”.

Quebrar o recorde de Lil Jon não será muito barato: o pingente, produzido por um joalheiro de Beverly Hills, custou US$ 500 mil e contém 3756 diamantes, encravados em uma peça de ouro branco e amarelo de 18 quilates.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um cantor é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.


Referências

  1. a b Semuels, Alana (March 12, 2007). Rappers hear siren song of opportunity. LA Times. Página visitada em September 27, 2009.
  2. Ruggieri, Melissa. "Lil Jon: ‘Show pushes your limits’", May 23, 2011. Página visitada em December 16, 2012.
  3. a b c Reid, Shaheem (November 1, 2004). Lil Jon: Big Chips (page 2). MTV News. Página visitada em May 18, 2010.
  4. a b c Lil Jon > Charts & Awards > Billboard Albums. allmusic. Página visitada em December 23, 2009.
  5. a b c Reid, Shaheem (February 28, 2006). Lil Jon Has Big Plans For E-40 And The Hyphy Movement. MTV News. Página visitada em December 23, 2009.
  6. a b c Lil Jon Video (Online interview). SOHH.com. Página visitada em February 22, 2006.[ligação inativa]
  7. Ruggieri, Melissa. "Lil Jon: ‘Show pushes your limits’", May 23, 2011. Página visitada em December 16, 2012.
  8. Ruggieri, Melissa. "Lil Jon: ‘Show pushes your limits’", May 23, 2011. Página visitada em December 16, 2012.