Linha Aigle-Ollon-Monthey-Champéry

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Um combóio da AOMC

A Linha Aigle-Ollon-Monthey-Champéry (AOMC) é uma linha de caminho de ferro de 23 km, a via única, de bitola métrica que circula no cantão de Flag of Canton of Vaud.svg Vaud entre Aigle e Champéry.

A AOMC é uma das linhas dos Transportes públicos do Chablais (TPC) que além desta possui:

Os Transportes públicos do Chablais (TPC) são uma empresa ferroviária do cantão de Vaud que foi criada em 1999 com a fusão de quatro companhias de caminho de ferro a bitola métrica na região do Chablais Vaudois, Além do caminho de ferro esta empresa também possui uma rede de autocarros.

História[editar | editar código-fonte]

À partida de Aigle

Os anos 1890 marcam um verdadeiro frenesim do caminho de ferro e Aigle é o fulcro de diferentes projectos. Em 1897 é feito o pedido de uma concepção de ferrovia entre Aigle-Ollon-Villars, assim como para Bex-Gryon-Villars. Mas enquanto os trabalhos de Bex começam de seguida, o de Aigle não começa pois as discussões sobre o traçado eternizam-se até que em 1900 se opta por Aigle a Monthey via Ollon, a AOM.

Os habitantes de Val de Illiez tendo conhecimento do que se passa com a AOM fazem também um pedido para uma linha, sem cremalheira, Monthey-Champéry (MA), e com um desvio em Illiez para Morgins. Este desvio que nunca foi concretizado, porque os cálculos de rentabilidade não eram bons e porque a Primeira Guerra Mundial tudo fez parar.

Em Janeiro de 1946 a AOM e a MA fusionam para formar a AOMC. Enquanto em 1907 eram precisos entre 40 e 45 min para ir de Aile a Monthey, a compra de novo material em 1954 diminui o tempo de metade, e na mesma altura Monthey-Champéry passa também de 69 a 35 min.

Datas[editar | editar código-fonte]

  • 1857 : chegada a Aigle da linha Lausana-Simplon
  • 1907 : abertura da linha Aigle-Monthey pelo caminho de ferro Aigle–Ollon–Monthey (AOM)
  • 1908 : abertura da linha Monthey-Champéry pelo caminho de ferro Monthey–Champéry–Morgins (MCM)
  • 1946 : fusão das duas companhias AOM e MCM que formam a actual AOMC
  • 1991 : prolongação até a Oeste de Champéry, à partida do teleférico
  • 1999 : regroupamento da ASD, da AL, da BVB e da OMC para formar os TPC

Características[editar | editar código-fonte]

  • Comprimento; 23 km
  • Bitola; métrica
  • Declive máx; 65 ‰
    • Aigle, 415 m
    • Champéry, 1 055 m
  • Cremalheira;
  • Linha de via única

Imagens[editar | editar código-fonte]

Imagens da construção das linhas, na referência, TPC: Historique.

Referências

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]