Linha Tronco (Companhia Paulista de Estradas de Ferro)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Linha Tronco - Linha 1 (Companhia Paulista de Estradas de Ferro)
Mapa Tronco Companhia Paulista.png
Verde: Atual malha; Roxo: Abandonado
Área de operação São Paulo
Tempo de operação 1872–Presente
Bitola 1,600 m
Extensão 507 km
Linha Tronco Jundiaí - Colômbia
Unknown route-map component "veBHF-BHF"
Km 0,0 - Jundiaí
Unknown route-map component "eHST"
00,848 - Jundiaí Paulista
Unknown route-map component "eHST"
04,945 - Horto
Unknown route-map component "eHST"
10,460 - Corrupira
Unknown route-map component "eBHF"
15,293 - Louveira
Unknown route-map component "eABZrf"
Saída para a EF Itatibense
Unknown route-map component "eBHF"
22,921 - Vinhedo
Unknown route-map component "eBHF"
30,603 - Valinhos
Unknown route-map component "eHST"
40,499 - Samambaia
Unknown route-map component "evBHF"
44,042 - Campinas
Junction to right
Tronco CMEF
Unknown route-map component "eHST"
53,009 - Boa Vista
Junction to right
Variante Boa Vista-Guaianã
Unknown route-map component "eBHF"
62,605 - Hortolândia
Unknown route-map component "eBHF"
69,615 - Sumaré
Unknown route-map component "eBHF"
75,623 - Nova Odessa
Unknown route-map component "eHST"
78,387 - Recanto
Unknown route-map component "eABZrf"
Ramal Piracicaba-Nova Odessa
Unknown route-map component "eBHF"
81,959 - Americana
Unknown route-map component "eHST"
87,634 - São Jerônimo
Unknown route-map component "eHST"
93,794 - Tatu
Unknown route-map component "eHST"
100,281- Itaipu
Unknown route-map component "eBHF"
105,459 - Limeira
Unknown route-map component "eHST"
111,006 - Ibicaba
Unknown route-map component "eBHF"
116,965 - Cordeirópolis
Unknown route-map component "eABZrf"
Ramal Descalvado
Unknown route-map component "eBHF"
125,992 - Santa Gertrudes
Junction to left Track turning from right
(linha antiga)
Straight track Unknown route-map component "eHST"
Rio Claro
Unknown route-map component "eHST" Unknown route-map component "exSTR"
128,129 - Santana
Unknown route-map component "eHST" Unknown route-map component "exSTR"
131,188 - Rio Claro Nova
Straight track Unknown route-map component "exHST"
Batovi
Unknown route-map component "eHST" Unknown route-map component "exSTR"
138,944 - Batovi Nova
Straight track Unknown route-map component "exHST"
Camaquã
Unknown route-map component "eHST" Unknown route-map component "exSTR"
144,528 - Camaquã Nova
Straight track Unknown route-map component "exHST"
Itapé
Straight track Unknown route-map component "exHST"
Graúna
Unknown route-map component "eHST" Unknown route-map component "exSTR"
157,428 - Graúna Nova
Straight track Unknown route-map component "exHST"
Ubá
Unknown route-map component "eABZrg" Unknown route-map component "exSTRrf"
Unknown route-map component "eBHF"
174,370 - Itirapina
Junction to right
tronco oeste CPEF
Unknown route-map component "eABZrf"
Ramal de Jaú
Unknown route-map component "eHST"
181,060 - Estrela
Unknown route-map component "eHST"
187,320 - Visconde do Rio Claro
Unknown route-map component "eHST"
195,325 - Conde do Pinhal
Unknown route-map component "eHST"
204,927 - Hipódromo
Unknown route-map component "eBHF"
206,308 - São Carlos
Unknown route-map component "eABZrf"
Ramal de Água Vermelha
Unknown route-map component "eABZrf"
Ramal de Ribeirão Bonito
Unknown route-map component "eHST"
211,676 - Retiro
Unknown route-map component "eBHF"
221,210 - Ibaté
Unknown route-map component "eHST"
227,801 - Tamoio
Unknown route-map component "eHST"
235,457 - Chibarro
Unknown route-map component "eHST"
244,297 - Ouro
Unknown route-map component "eBHF"
253,767 - Araraquara
Junction to right
tronco EFA
Unknown route-map component "eBHF"
265,442 - Américo Brasiliense
Unknown route-map component "eBHF"
271,045 - Santa Lúcia
Unknown route-map component "eHST"
281,013 - Tapuia
Unknown route-map component "eBHF"
285,759 - Rincão
Unknown route-map component "eABZrf"
Ramal de Jaboticabal
Unknown route-map component "eBHF"
296,997 - Guatapará
Unknown route-map component "eABZlf" Unknown route-map component "exSTRlg"
(linha antiga)
Straight track Unknown route-map component "exHST"
Guarani
Unknown route-map component "eHST" Unknown route-map component "exSTR"
306,505 - Guarani Nova
Unknown route-map component "eABZrg" Unknown route-map component "exSTRrf"
Unknown route-map component "eBHF"
321,011 - Pradópolis
Unknown route-map component "eBHF"
336,841 - Barrinha
Unknown route-map component "eHST"
347,850 - Macuco
Unknown route-map component "eHST"
357,370 - Passagem
Junction to right
Ramal do Pontal
Unknown route-map component "eBHF"
363,425 - Pitangueiras
Unknown route-map component "eHST"
371,245 - Plínio Prado
Unknown route-map component "eHST"
377,995 - Ibitiúva
Unknown route-map component "eABZrf"
Ramal de Terra Roxa
Unknown route-map component "eHST"
389,483 - Santa Irene
Unknown route-map component "eBHF"
397,983 - Bebedouro
Unknown route-map component "eABZrf"
Ramal de Nova Granada
Unknown route-map component "eABZrf"
Ramal de Jaboticabal
Unknown route-map component "eHST"
412,893 - Mandembo
Unknown route-map component "eHST"
421,444 - Perobal
Unknown route-map component "eBHF"
428,106 - Colina
Unknown route-map component "eHST"
439,476 - Palmar
Unknown route-map component "eHST"
447,109 - Frigorífico
Unknown route-map component "eABZlf" Unknown route-map component "exSTRlg"
(linha antiga)
Straight track Unknown route-map component "exBHF"
Barretos
Unknown route-map component "eHST" Unknown route-map component "exSTR"
Barretos Nova
Unknown route-map component "eABZrg" Unknown route-map component "exSTRrf"
Unknown route-map component "eHST"
470,626 - Amoreira
Unknown route-map component "eHST"
483,463 - Adolfo Pinto
Unknown route-map component "eHST"
497,358 - Continental
Unknown route-map component "eBHF"
506,655 - Colômbia
Unknown route-map component "ENDEe"

A linha tronco (Jundiaí-Colômbia) ou Linha 1 da Companhia Paulista de Estradas de Ferro possuía 507 km de extensão ligando Jundiaí à cidade de Colômbia em um total de 64 estações, sendo a primeira linha a ser construída pela Companhia Paulista de Estradas de Ferro.

História[editar | editar código-fonte]

Sua construção foi iniciada em 1869, sendo a estação de Louveira, a primeira estação construída pela Companhia Paulista. Em 1872, tem seu trecho inicial inaugurado entre Campinas e Jundiaí. Após sucessivas ampliações a linha chegou a cidade de Rio Claro em 1876.

Em 1892 a Companhia Paulista adquiriu a Estrada de ferro Rio Clarense incorporando o trecho Rio Claro-São Carlos (1884)-Araraquara (1885), ampliando sua rede ferroviária. Posteriormente a linha tronco chegou a Rincão (1901), Barretos (1909) até alcançar sua extensão atual em Colômbia (1929). A idéia original da Companhia Paulista era ampliar sua linha tronco até o estado de Goiás, para isso necessitava de uma concessão do governo federal, mas devido a Revolução de 1930 o governo federal cancelou o pedido de concessão da empresa [1] .

A linha tronco foi eletrificada entre Jundiaí e Rincão. As obras se iniciaram em setembro de 1920 e chegaram a Rincão em 1 de dezembro de 1928 [2] .

Locomotiva Elétrica Wintenthur-Brown Boveri adquirida em 1929, tracionando trem cargueiro na linha tronco entre Jundiaí e Campinas.

Após ser estatizada pelo governo de São Paulo em 1961, a Companhia Paulista foi incorporada pela estatal Fepasa em 1971. A Fepasa concluiu em 1976 as obras da Variante Itirapina - Santa Gertrudes, iniciadas em 1966 retificando o trecho entre Santa Gertudes, Rio Claro e Itirapina. Em 1998 com a incorporação da Fepasa pela Rede Ferroviária Federal, o transporte de cargas nessa linha foi concedida a Ferroban que retirou a eletrificação da linha tronco.

Atualmente a concessão do transporte de cargas foi repasssada a América Latina Logística que incorporou a Ferroban.

Tabelas[editar | editar código-fonte]

Linha Terminais Comprimento (km) Estações Observações
Tronco
Jundiaí PaulistaColômbia 507 (1958) 64 Em 1976 a Fepasa retificou o trecho entre Rio Claro e Itirapina através da Variante Itirapina - Santa Gertrudes.

Estações[editar | editar código-fonte]

Trechos abertos ao tráfego[editar | editar código-fonte]

Trecho Data de Abertura Comprimento (km)
Jundiaí - Louveira 31 de março de 1872 15
Louveira - Campinas 11 de agosto de 1872 29
Campinas - Vila Americana 27 de agosto de 1875 38
Vila Americana - Tatu 30 de janeiro de 1876 12
Tatu - Limeira 30 de junho de 1876 12
Limeira - Rio Claro 11 de agosto de 1876 28
Rio Claro - São Carlos [1] 15 de outubro de 1884 72
São Carlos - Araraquara [1] 18 de janeiro de 1885 48
Araraquara - Rincão [2] 31 de agosto de 1891 32
Rincão - Martinho Prado 30 de dezembro de 1901 35
Martinho Prado - Passagem 1 de fevereiro de 1901 36
Passagem - Areia [3] 1 de novembro de 1907 32
Areia - Bebedouro 1 de novembro de 1907 9
Bebedouro - Barretos 25 de maio de 1909 55
Barretos - Adolfo Pinheiro 14 de agosto de 1926 30
Adolfo Pinheiro - Colômbia 1 de agosto de 1929 [4] 24
  • [1] - O trecho entre Rio Claro, São Carlos e Araraquara foi aberto originalmente pela Estrada de Ferro Rio Clarense (1884-1889), pela família "Arruda Botelho" do Conde do Pinhal, sendo essa ferrovia vendida para investidores ingleses que a denominaram The Rio Claro Railway Co. que mais tarde seria incorporada pela Companhia Paulista em 1892.
  • [2] - Trecho orignialmente construído pela The Rio Claro Railway Co. (1889-1892) que mais tarde seria incorporada pela Companhia Paulista em 1892.
  • [3] - A estação foi inaugurada como Areia, tendo seu nome modificado posteriormente para Areais.
  • [4] - O trecho Adolfo Pinheiro-Colômbia teve circulação de trens somente em março de 1930.

Eletrificação[editar | editar código-fonte]

Trecho eletrificado [2] . Data Comprimento (km) Tipo de poste
Jundiaí - Campinas 23 de junho de 1922 44 madeira
Campinas - Tatu 1 de novembro de 1925 49,7 concreto
Tatu - Rio Claro 26 de dezembro de 1926 40,0 aço
Rio Claro - São Carlos 7 de setembro de 1928 72,5 aço
São Carlos - Rincão 1 de dezembro de 1928 79,5 aço

Trechos por velocidade[editar | editar código-fonte]

Trecho Raio mínimo Velocidade Máxima[3] Rampas máximas Comprimento (km)
Jundiaí - Campinas 300m 80 km/h[4] [5] 2% 44 km
Campinas - Santa Gertrudes 274m 80 km/h 2% 82 km
Santa Gertrudes - Itirapina 11463m 160 km/h 1% 43 km
Itirapina - Colômbia 274m 80 km/h 2% 332 km

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]