Literatura apocalíptica

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A literatura apocalíptica é um gênero de temática profética cujas revelações muitas vezes são mediadas por um outro ser mundano à um receptor humano, revelando uma realidade transcendente que é simultaneamente temporal, na medida em que prevê a salvação escatológica, ou espacial, na medida em que envolve um outro ser sobrenatural.[1] Sua origem se dá num conjunto de textos do judaísmo tardio e do cristianismo primitivo.[2] Entre esses textos destacam-se o II Enoque, o Apocalipse de Abraão, o II Baruque, o IV Esdras, as Adições em Daniel e o Apocalipse de São João.[2]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Collins, 1979, p. 9.
  2. a b Teresa Pinto Coelho. "Literatura apocalíptica". E-dicionário de termos literários. Acesso: 19 de dezembro.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • John J. Collins, "Introduction: the Morphology of a Genre", in Semeia, 14, 1979.
Ícone de esboço Este artigo sobre literatura é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.