Litoral

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Habitats marinhos
Strait of Gibraltar perspective.jpg
Zona litoral
Zona entremarés
Estuários
Florestas de kelp
Recifes de coral
Bancos oceânicos
Plataforma continental
Zona nerítica
Estreitos
Zona pelágica
Zona oceânica
Montes submarinos
Fontes hidrotermais
Emanações frias
Zona demersal
Zona bentónica

Litoral é um termo que designa a faixa de terra junto à costa marítima que engloba cerca de 50 km para o interior, dependendo da legislação de cada país. O termo é um adjetivo usado para referir aquilo que diz respeito à beira-mar, é utilizada ainda muitas vezes em contraponto à palavra interior.

O litoral pode ser composto das mais diferentes paisagens. Um mesmo país pode apresentar grande variação litorânea de acordo com as características geográficas de relevo e hidrográficas da região. Nele encontram-se praias, costões e mangues.

Biologia marinha[editar | editar código-fonte]

Imagem de uma praia que representa bem o termo litoral, no Rio Grande do Norte, Brasil.

Em biologia marinha, chama-se zona litoral ao conjunto de ecossistemas localizados nesta região e que sofrem a influência das marés. Este bioma quase sempre muitas vezes dividido nos “andares” supralitoral, acima da linha da maior preia-mar, mediolitoral ou zona intertidal, entre os limites das marés, infralitoral, imediatamente abaixo, e circalitoral, compreendendo as águas ainda integradas na zona eufótica (onde a luz do Sol pode penetrar) e que também correspondem à província ou zona nerítica.[1]

Referências