Livro Negro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Livro Negro é o nome como ficou conhecida uma lista preparada pela SS quando dos preparativos da Operação Leão Marinho, que planejava a invasão da Grã-Bretanha em 1940 após a derrota da França pela Alemanha na II Guerra Mundial.[1]

Esta lista, descoberta após a guerra, continha o nome de centenas de personalidades da vida britânica que deveriam ser presas e executadas pelos integrantes dos Einsatzgruppen, os esquadrões da morte da SS e foi compilada por um oficial nazista, Walter Schellenberg. Muitos dos nomes da lista já tinham morrido quando ela foi elaborada, como por exemplo Sigmund Freud, mostrando um certo desconhecimento da realidade da sociedade britânica. Das 20.000 cópias iniciais do livro, apenas duas existem hoje e uma delas se encontra no Imperial War Museum, em Londres, Inglaterra.

Alguns dos integrantes notáveis da lista eram:

Referências

  1. York Membery. Nazis put Britain's Scouts on hit list, Sunday Times 30 de maio de 1999