Lorenz Heister

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Lorenz Heister
(1683-1758)
botanicus Germanicus
Nacionalidade  Alemanha
Data de nascimento 19 de setembro de 1683
Local de nascimento Frankfurt am Main,  Alemanha
Data de falecimento 18 de abril de 1758
Local de falecimento Bornum am Elm,  Alemanha
Ocupação Médico, cirurgião, anatomista e botânico alemão
Alma mater Universidade de Giessen, Universidade de Altdorf[1] , Universidade de Helmstedt[2]

Laurentius Heister (1683–1758) (* Frankfurt am Main, 19 de Setembro de 1683 † Bornum am Elm, 18 de Abril de 1758) foi médico, cirurgião, anatomista e botânico alemão. Foi professor de anatomia e de cirurgia da Universidade de Helmstedt[2] , cargo que exerceu até os últimos dias de sua vida. Credita-se a ele a criação do termo "traqueotomia". Ele é considerado o fundador da cirurgia científica na Alemanha.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Era filho de um madeireiro, que mais tarde se tornou estalajadeiro e comerciante de vinhos. Sua mãe se chamava Maria Alleins. De 1702 a 1706 Heister estudou nas Universidades de Giessen e Wetzlar. Em Giessen teve como professor o médico alemão Georg Christoph Möller (1663-1740) e nessa faculdade Georg Theodor Barthold (1669-1712)[3] deu a ele a oportunidade de realizar a sua primeira dissecação de um corpo masculino. Mais tarde, estabeleceu-se em Amsterdam, onde ele estudou anatomia com médico e botânico Frederik Ruysch (1638–1731) e aulas de botânica com o professor Caspar Commelin (1668-1731)[4] . No verão de 1707, tornou-se médico assistente no "Hospital de Campanha"[5] em Bruxelas e Gante durante a Guerra da Sucessão Espanhola.

Depois ele viajou para Leiden, onde estudou anatomia com Bernhard Siegfried Albinus (1653–1721) e Govert Bidloo (1649–1713), e também assistiu as aulas de química e doenças oftalmológicas com o médico e humanista Herman Boerhaave (1668-1738). Em 31 de Maio de 1708, recebeu seu diploma de doutorado da Universidade de Harderwijk (1648–1811)[6] , e no verão de 1709, tornou-se a juntar ao exército holandês como cirurgião de campanha durante o "Assédio de Tournai"[7] . Pouco depois, distinguiu-se no tratamento de feridos durante as Batalhas Oudenarde[8] de Malplaquet[9] .

Em 11 de Novembro de 1711, foi nomeado professor de anatomia e cirurgia da Universidade de Altdorf, e a partir de 1720, foi nomeado professor de anatomia e cirurgia em Helmstedt, onde permaneceu pelo resto da sua vida. Durante esse período em Helmstedt, ele também deu aulas de botânica e medicina prática.

Dentre seus inúmeros manuscritos, a obra mais conhecida é a "Chirurgie"[10] , um livro sobre cirurgia traduzido para sete idiomas, inclusive Latim e japonês. Ele foi extensivamente usado no Japão, e era ainda utilizado como texto padrão em Viena até por volta de 1838. O jardim botânico de Heister em Helmstedt, foi considerado um dos mais belos da Alemanha.

Em 1718, ele cunhou o termo "traqueotomia". Também, credita-se a ele como sendo o primeiro médico a realizar uma seção pós-morte de "apendicite". Seu nome foi usado no gênero de plantas Heisteria, bem como às válvulas espirais de Heister[11] , definidas como dobras anatômicas do duto cístico[12] .

Correspondeu-se com Carolus Linnaeus de 31 de Março de 1736 até 30 de Abril de 1742. Um neto de Lorenz Heister foi o mineralogista e químico Lorenz von Crell (1744–1816)[13] . Sua biblioteca continha mais de 12 mil volumes e seu herbário foi preservado em 90 volumes. Possuía nada menos de 470 instrumentos cirúrgicos, a maioria deles feitos de prata.

Seu filho Elias Friedrich Heister (1715-1740)[14] , nascido em Altdorf, estudou medicina e recebeu seu doutorado em 22 de Outubro de 1738. Todavia, morreu durante uma viagem à Holanda em 1740.

Obras[editar | editar código-fonte]

  • Laurentii Heisteri Systema plantarum …. 1748.
  • Descriptio novi generis plantae rarissimae …. 1753.
  • Compendium anatomicum, publicado pela primeira vez em 1721, 10 edições.
  • Chirurgie, publicada inicialmente em 1739, 15 edições.
  • Institutiones chirurgicae, (Instituições cirúrgicas) 1749

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Veja também[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. A Universidade de Altdorf foi fundada em 29 de Junho de 1575 e entrou em atividade em 3 de Outubro de 1622. Em 24 de Setembro de 1809 ela foi fechada por Maximiliano I José (1756-1825), Princípe-Eleitor da Baviera (1756-1825).
  2. a b A Universidade de Helmstedt foi fundada em 15 de Outubro de 1576 por Júlio, Duque de Brunswick-Lüneburg (1528-1589).
  3. CERL Thesaurus
  4. (em neerlandês) Caspar Commelin (1668-1731) foi um botânico holandês.
  5. Hospital de Campanha: únidade médica móvel destinada a atender de maneira provisória os feridos de uma determinada localidade, antes que possam ser transportados com segurança para instalações de um hospital fixo.
  6. A Universidade de Harderwijk existiu de 1648 até 22 de outubro de 1811, quando foi abolida por decreto imperial de Napoleão Bonaparte. Grandes nomes estudaram nessa universidade, dentre eles: Carolus Linnaeus (1707-1778), Jan Frederik Gronovius (1686-1762) e Herman Boerhaave (1668–1738).
  7. Assédio de Tournai: ocorrido em 30 de Julho de 1709 durante a Guerra da Sucessão Espanhola, pelas tropas de John Churchill, 1.° Duque de Marlborough (1650-1722) e do príncipe Eugênio de Savoia.
  8. Batalha de Oudenarde: travada em 11 de Julho de 1708 entre as forças da Grã-Bretanha, a República das Sete Províncias Unidas dos Países Baixos e o Sacro Império Romano-Germânico contra a França.
  9. Batalha de Malplaquet: travada em 11 de Setembro de 1709, foi uma das principais batalhas durante a Guerra da Sucessão Espanhola, que colocou os Bourbons da França e da Espanha contra uma aliança formada formada pela maioria dos membros da Monarquia de Habsburgo, o Reino da Grã-Bretanha, a República das Sete Províncias Unidas dos Países Baixos e o Reino da Prússia.
  10. (em alemão) Universität Erlangen-Nürnberg
  11. Doenças das vias biliares
  12. O duto cístico é um pequeno canal que une a Vesícula biliar ao duto biliar comum.
  13. (em alemão) Lorenz von Crell (1744–1816)
  14. CERL Thesaurus