Lost Cause

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Lost Cause, ou a causa perdida da confederação, é o nome dado ao movimento literário e intelectual do sul dos EUA, que busca reconciliar a tradicional sociedade branca sulista com a derrota na Guerra Civil dos Estados Unidos da América (1861-1865).

No âmbito do movimento a causa confederada é descrita como nobre e heróica e a importância da escravidão na gênese do conflito é minimizada. Os rebeldes são representados como cavalheiros que encarnavam as elevadas virtudes do sul, em contraste aos federais, supostamente possuidores de padrões morais muito baixos. O processo de reconstrução empreendido pelos presidentes Johnson e Grant é severamente críticado.

A derrota na guerra é atribuída principalmente à desproporção em recursos humanos e materiais entre as partes combatentes. A quixotesca luta sulista para preservar valores incompatíveis com o inexorável avanço da sociedade industrial estaria condenada de antemão, crença que daria origem ao nome do movimento.

No âmbito do movimento, os generais Robert E. Lee e Stonewall Jackson, bem como o desastroso assalto confederado no último dia da Batalha de Gettysburg conhecido como Pickett’s Charge, adquiriram uma aura quase mítica.

O termo Lost Case no contexto em questão apareceu pela primeira vez em 1866 no livro Edward A. Pollard, "The Lost Cause: A New Southern History of the War of the Confederates". Entretanto, o verdadeiro impulso ao movimento foi dado em 1870, por um artigo de Jubal Early, antigo general confederado, escrito para a Southern Historical Society.

Alguns exemplos de obras influenciadas pelo movimento são o filme de D.W. Griffith "The Birth of a Nation" de 1915, o romance de Margaret Mitchell "E o Vento Levou" de 1936 , e o filme homônimo lançado em 1939.

Ao longo dos anos, Lost Cause perdeu influência mas jamais desapareceu por completo. Recentemente, o filme "Deuses e Generais" (2002) de Ronald F. Maxwell, baseado no bestseller de Jeff Shaara tem sido acusado de apresentar uma visão parcial do Guerra Civil, basicamente alinhada com os princípios daquele movimento.