Lost in Translation

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Lost in translation
Lost in Translation - O amor é um lugar estranho (PT)
Encontros e Desencontros (BR)
 Estados Unidos  Japão
2003 • cor • 102 min 
Direção Sofia Coppola
Roteiro Sofia Coppola
Elenco Scarlett Johansson
Bill Murray
Género drama
Idioma inglês
Lançamento Portugal 22 de Janeiro de 2004
Página no IMDb (em inglês)

Lost in Translation (no Brasil: Encontros e Desencontros em Portugal O Amor é um Lugar Estranho) é o segundo filme de Sofia Coppola, filha do realizador Francis Ford Coppola. O filme foi realizado em 2003.[1]

Argumento[editar | editar código-fonte]

Bob Harris é um ator de meia-idade que se encontra em Tóquio para realizar sessões fotográficas publicitárias. Está casado, mas o seu matrimónio entrou numa fase aborrecida: Harris sente-se melancólico com toda rotina sem sentido que tornou-se sua vida. No hotel, conhece Charlotte, a jovem esposa de um fotógrafo que se encontra sozinha em Tóquio, pois o seu marido está a trabalhar durante uns dias noutras cidades do Japão. Charlotte também se sente triste, não consegue encontrar algo em que possa se apoiar, algo que lhe dê sentido de viver. Juntos, começam a repartir as horas que não passam. Entre os dois começa a se estabelecer uma relação de compreensão mútua, que se vai afirmando à medida que passam os dias.

O nome original do filme, Lost in Translation (em português, Perdido na Tradução), refere-se a dificuldade das personagens de serem compreendidas na cidade de Tóquio, mesmo nos momentos em que estão na companhia de tradutores. "Lost in Translation" trata-se de uma expressão americana que representa a parte cultural de palavras ou frases que se perde quando é traduzida para outra língua. Mesmo que a tradução seja feita correctamente.

Um exemplo crasso: A expressão portuguesa "Bater as botas", não tem significado em inglês literal "hit the boots". Pode-se dizer que o significado perdeu-se na tradução (lost in translation).

Aspectos ainda mais culturais podem ser uma barreira enorme para a comunicação entre povos. Por exemplo o facto de um japonês considerar que não conseguir fazer uma tarefa é uma desonra é em muitos casos incompreendido pela cultura ocidental.[2]

Ficha técnica[editar | editar código-fonte]

  • Estúdio: American Zoetrope / Elemental Films / Tohokashinsha Film Company Ltd.
  • Distribuição: Focus Features
  • Roteiro: Sofia Coppola
  • Produção: Sofia Coppola e Ross Katz
  • Música: Brian Reitzell e Kevin Shields
  • Fotografia: Lance Acord
  • Desenho de produção: K.K. Barrett e Anne Ross
  • Direção de arte: Mayumi Tomita
  • Figurino: Nancy Steiner
  • Edição: Sarah Flack
  • Efeitos especiais: Gray Matter FX / Rods & Cones

Elenco[editar | editar código-fonte]

  • Scarlett Johansson.... Charlotte
  • Bill Murray.... Bob Harris
  • Giovanni Ribisi.... John
  • Fumihiro Hayashi.... Charlie
  • Daikon.... Bambie
  • Hiroko Kawasaki.... Hiroko
  • Anna Faris.... Kelly
  • Asuka Shimizu.... tradutor de Kelly
  • Akiko Takeshita.... sra. Kawasaki
  • Ryuichiro Baba.... concièrge
  • Kanuyoshi Minamimagoe.... agente de imprensa[3]

Principais prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Oscar 2004 (EUA)

Ano Categoria Notas Resultado
2004 Melhor Filme Encontros e Desencontros Indicado
Melhor Diretor Sofia Coppola Indicado
Melhor Ator Bill Murray Indicado
Melhor Roteiro Original Sofia Coppola Venceu

Globo de Ouro 2004 (EUA)

Ano Categoria Notas Resultado
2004 Melhor Filme (Comédia/Musical) Encontros e Desencontros Venceu
Melhor Diretor Sofia Coppola Indicado
Melhor Ator (Comédia/Musical) Bill Murray Venceu
Melhor Atriz (Comédia/Musical) Scarlett Johansson Indicado
Melhor Roteiro Sofia Coppola Venceu

BAFTA 2004 (Reino Unido)

Ano Categoria Notas Resultado
2004 Melhor Filme Encontros e Desencontros Indicado
Melhor Diretor Sofia Coppola Indicado
Melhor Ator Bill Murray Venceu
Melhor Atriz Scarlett Johansson Venceu
Melhor Roteiro Original Sofia Coppola Venceu
Melhor Edição Sarah Flack Venceu
Melhor Fotografia Lance Acord Indicado
Prêmio David Lean Sofia Coppola Indicado
Prêmio Anthony Asquith de Melhor Música Brian Reitzell e Kevin Shields Indicado

Screen Actors Guild Awards 2004 (EUA)

Ano Categoria Notas Resultado
2004 Melhor Ator (Principal) Bill Murray Indicado

Grande Prêmio BR do Cinema Brasileiro 2004 (Brasil)

Ano Categoria Notas Resultado
2004 Melhor Filme Estrangeiro Encontros e Desencontros Indicado

Prêmio Bodil 2005 (Dinamarca)

Ano Categoria Notas Resultado
2004 Melhor Filme Americano Encontros e Desencontros Venceu

Prêmio César 2005 (França)

Ano Categoria Notas Resultado
2004 Melhor Filme Estrangeiro Encontros e Desencontros Venceu

Prêmio David di Donatello 2004 (Itália)

Ano Categoria Notas Resultado
2004 Melhor Filme Estrangeiro Encontros e Desencontros Indicado

Independent Spirit Award 2003 2004 (EUA)

Ano Categoria Notas Resultado
2007 Melhor Filme Encontros e Desencontros Venceu
Melhor Diretor Sofia Coppola Venceu
Melhor Ator Bill Murray Indicado
Melhor Atriz Scarlett Johansson Indicado
Melhor Roteiro Original Sofia Coppola Venceu

Mostra Internacional de Cinema de São Paulo 2004 (Brasil)

Ano Categoria Notas Resultado
2004 Prêmio da Crítica Encontros e Desencontros Venceu

Festival de Veneza 2005 (Itália)

Ano Categoria Notas Resultado
2005 Prêmio Lina Magiacarpe Sofia Coppola Venceu
2005 Prêmio Upstream Scarlett Johansson Venceu

[4]

Referências

  1. Lost in Translation IMDb (em inglês). Página visitada em agosto de 2013.
  2. Lost in Translation (Site oficial) (em inglês). Página visitada em agosto de 2013.
  3. Interfilmes (em português). Página visitada em agosto de 2013.
  4. IMDb Awards (em inglês). Página visitada em agosto de 2013.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]