Lotus Symphony

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
IBM Lotus Symphony
Desenvolvedor IBM
Lançamento 2007 (versão beta)
Versão estável 3.0.1 Fixpack 1 (27 de março de 2012; há 135 semanas e 4 dias)
Sistema operacional Linux, Mac OS X e Windows
Gênero(s) Suíte de escritório
Licença Proprietária
Página oficial Lotus Symphony

IBM Lotus Symphony foi um conjunto de aplicativos para criar, editar e compartilhar arquivos de processador de texto, planilhas eletrônicas e outros documentos desenvolvido pela IBM gratuitamente e lançado em 2007. Seu nome é inspirado pelo pacote integrado de aplicativos para DOS lançado em julho de 1984 pela Lotus Software, adquirida pela IBM em 1995.[1] Em julho de de 2011, IBM anunciou que doaria o código-fonte do Lotus Symphony para o Apache OpenOffice.[2] A versão 4.0 do OpenOffice deverá conter alguns dos recursos do Lotus Symphony e a IBM pretende lançar uma versão própria do OpenOffice 4.0, de código aberto, que será sucessora do Lotus Symphony e que, através de extensões pagas, será integrada com seus outros produtos.[3]

Lotus Symphony para DOS[editar | editar código-fonte]

A primeira aparição do Lotus Symphony foi como uma suíte integrada de aplicativos para DOS desenvolvida pela Lotus Development como um sucessor para a popular planilha eletrônica Lotus 1-2-3. O Lotus Jazz para Apple Macintosh era um programa equivalente.

Apesar do 1-2-3 ser apresentado como um produto integrado com planilha eletrônica, banco de dados e funções gráficas (origem do nome "1-2-3"), programas integrados como o AppleWorks começavam a se tornar popular na época, então a Lotus procurou desenvolver algo semelhante.

IBM Lotus Symphony[editar | editar código-fonte]

IBM Lotus Symphony inclui:

Symphony é compatível com o formato de arquivo OpenDocument (ODF), além dos utilizados por Microsoft Office e Lotus SmartSuite, mas não o formato Office Open XML, utilizado pelo Microsoft Office 2007. Pode exportar seus arquivos no formato Portable Document Format (PDF).

Disponível inicialmente para Linux e Windows, a partir da versão 1.2 também para Mac OS X. O programa foi desenvolvido a partir da plataforma Eclipse com o IBM Lotus Expeditor como interface e OpenOffice.org 1.1.4 como núcleo do código-fonte da suíte.[4] Entre os requisitos de sistema estão 512MB de memória RAM e 540MB de espaço livre no disco rigido.[5]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. IBM takes fight to Microsoft with Lotus Symphony (em inglês) Infoworld (18 de setembro de 2007). Visitado em 18 de outubro de 2012.
  2. IBM Donates Lotus Symphony Source Code to the Apache OpenOffice Project (em inglês) IBM (14 de julho de 2012). Visitado em 18 de outubro de 2012.
  3. IBM Productivity Solutions Public FAQs - IBM® Lotus® Symphony™ 3.0.1 Apache OpenOffice the IBM Edition (em inglês) (Fevereiro de 2012). Visitado em 18 de setembro de 2012.
  4. Lai, Eric (24 de setembro de 2007) IBM's Symphony Hitting Wrong Notes, Reviewers Say, "Computerworld" (em inglês), acessado em 2007-nov-18.
  5. IBM, Lotus Symphony General FAQs, acessado em 2007-nov-18

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Software é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.