Love and Other Drugs

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Love and Other Drugs
Love & Other Drugs
O Amor é o Melhor Remédio (PT)
Amor e Outras Drogas (BR)
Pôster promocional
 Estados Unidos
2010 • cor • 112 min 
Direção Edward Zwick
Produção Scott Stuber
Edward Zwick
Marshall Herskovitz
Charles Randolph
Pieter Jan Brugge
Roteiro Charles Randolph
Edward Zwick
Marshall Herskovitz
Baseado em Hard Sell: The Evolution of a Viagra Salesman de Jamie Reidy
Elenco Jake Gyllenhaal
Anne Hathaway
Gênero Comédia romântica
Comédia dramática
Idioma Inglês
Música James Newton Howard
Cinematografia Steven Fierberg
Edição Steven Rosenblum
Estúdio Fox 2000 Pictures
Regency Enterprises
New Regency
Stuber Pictures
Bedford Falls Productions
Distribuição 20th Century Fox
Lançamento Estados Unidos 24 de novembro de 2010
Portugal 27 de janeiro de 2011
Brasil 28 de janeiro de 2011
Orçamento US$30 milhões[1]
Receita US$102,313,925[2] [3]
Página no IMDb (em inglês)

Love and Other Drugs (Amor e Outras Drogas no Brasil, O Amor é o Melhor Remédio em Portugal) é um filme de comédia romântica e comédia dramática lançado em 2010, dirigido por Edward Zwick, baseado no livro de não-ficção The Evolution of a Viagra Salesman de Jamie Reidy e estrelado por Jake Gyllenhaal e Anne Hathaway, que originalmente se uniram em Brokeback Mountain. O filme foi lançado nos Estados Unidos em 24 de novembro de 2010, e recebeu críticas mistas dos críticos de cinema.[4] [5] [6]

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Jamie Randall (Jake Gyllenhaal) é um sedutor incorrigível do tipo que perde a conta do número de mulheres com quem já transou. Após ser demitido do cargo de vendedor em uma loja de eletrodomésticos, por ter seduzido uma das funcionárias, ele passa a trabalhar num grande laboratório da indústria farmacêutica. Como representante comercial, sua função é abordar médicos e convencê-los a prescrever os produtos da empresa para os pacientes. Em uma dessas visitas, ele conhece Maggie Murdock (Anne Hathaway), uma jovem de 26 anos que sofre de mal de Parkinson. Inicialmente, Jamie fica atraído pela beleza física e por ter sido dispensado por ela, mas aos poucos descobre que existe algo mais forte. Maggie, por sua vez, também sente o mesmo, mas não quer levar adiante por causa de sua doença.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Produção[editar | editar código-fonte]

  • O livro "Hard Sell: The Evolution of a Viagra Salesman", de Jamie Reidy, serviu apenas de ponto de partida, uma vez que nele não existe situação de interesse amoroso. Já em Amor e Outras Drogas, um de seus principais temas é o relacionamento entre os personagens Jamie Randall e Maggie Murdock;
  • O ator Jake Gyllenhaal se reuniu diversas vezes com o autor do livro, no intuito de se preparar para o personagem;
  • Já Anne Hathaway fez o mesmo com Lucy Roucis, atriz profissional que tem Mal de Parkinson (diagnosticado poucos anos antes de completar 30 anos de idade) e que agora trabalha em Denver com uma companhia de atores chamada PHAMALY (Physically Handicapped Actors and Musical Artists League, Inc. - Liga de Atores e Músicos Portadores de Deficiências);
  • Roucis, por sinal, participa do filme como humorista palestrante em uma convenção focada nas vítimas da doença;
  • O filme se passa na segunda metade da década de 90, período em que os remédios começaram a ser anunciados e vendidos diretamente para o público consumidor nos Estados Unidos;
  • É o 2º filme em que Anne Hathaway e Jake Gyllenhaal trabalham juntos. O anterior foi O Segredo de Brokeback Mountain (2005);
  • Para definir como seriam as cenas de sexo, o diretor Edward Zwick fez com que o elenco principal assistisse desde comédias românticas a filmes com cenas mais picantes, como Nove Canções (2004) e Último Tango em Paris (1972). Eles depois se reuniram e conversaram sobre como as cenas deveriam ser feitas;
  • Os contratos de Anne Hathaway e de Jake Gyllenhaal não possuíam cláusulas prevendo o quanto e até onde as cenas de nudez poderiam exibir;.[7]
  • Amor e Outras Drogas foi rodado em Pittsburgh, estado da Pennsylvania centro da indústria médica americana com muitas empresas fortes de pesquisa;
  • Seu orçamento foi de US$ 30 milhões.[5] [6] [8]

Bilheteria[editar | editar código-fonte]

Love and Other Drugs foi lançado em 24 de novembro de 2010, e inaugurado em 2,455 cinemas nos Estados Unidos, arrecadando $2,239,489 no seu dia e abertura $9,739,161 em sua semana de estreia, ocupando a posição 6 com uma média por cinema de $3,967.[9] [10] Em seu segundo fim de semana, manteve-se na posição 6 e arrecadou $5,652,810—$2,300 por cinema.[11] Através do seu terceiro fim de semana ele caiu para a posição 8 e fez $2,981,509—$1,331 por cinema.[12]

O filme quase não quebrou até mesmo em casa, com um total bruto nacional de $32,367,005 em oposição a uma produção de orçamento $30 milhões. Ele se saiu muito melhor no exterior, onde o filme arrecadou $70,453,003.[2]

Prêmios e Indicações[editar | editar código-fonte]

68th Golden Globe Awards[13]

Satellite Awards 2010[14]

Washington D.C. Area Film Critics Association[15]

Referências

  1. Fritz, Ben. "Movie projector: 'Harry Potter' to rule again as four new movies open, three competing for women", Los Angeles Times, Tribune Company, 2010-11-23. Página visitada em 2010-11-26. “Still, 20th Century Fox and Regency Pictures spent only about $30 million to make it, giving them as much chance as their competitors to turn a profit.”
  2. a b Love and Other Drugs (2010). Box Office Mojo. Página visitada em 2010-12-05.
  3. Love and Other Drugs. The Numbers. Página visitada em 2011-02-04.
  4. Fritz, Ben. "Movie projector: 'Harry Potter' to rule again as four new movies open, three competing for women", Los Angeles Times, Tribune Company, 2010-11-23. Página visitada em 2010-11-26. “Still, 20th Century Fox and Regency Pictures spent only about $30 million to make it, giving them as much chance as their competitors to turn a profit.”
  5. a b Love and Other Drugs (2010). Box Office Mojo. Amazon.com. Página visitada em 2010-12-05.
  6. a b Love and Other Drugs. The Numbers. Nash Information Services. Página visitada em 2011-02-04.
  7. Hathaway: Nudity won't put off 'more conservative' fans. BBC. Acessado em 2010-12-23.
  8. Curiosidades sobre o filme "O Amor e Outras Drogas"
  9. Brandon Gray (2010-11-27). Friday Report: 'Harry Potter,' 'Tangled' Dominate. Box Office Mojo. Página visitada em 2011-04-09.
  10. Weekend Box Office Results for November 26–28. Box Office Mojo. Página visitada em 2010-11-28.
  11. Weekend Box Office Results for December 3–5. Box Office Mojo. Página visitada em 2010-12-18.
  12. Weekend Box Office Results for December 10–12. Box Office Mojo. Página visitada em 2010-12-18.
  13. Simon Reynolds (2010-12-14). In Full: Golden Globes - Movie Nominees. Digital Spy. Página visitada em 2010-12-14.
  14. Carlson, Alex (2010-12-04). Golden Satellite Award Nominations 2010. Film Misery. Retrieved 2010-12-18.
  15. Carlson, Alex (2010-12-05). Washington D.C. Film Critics Award Nominations 2010. Film Misery. Retrieved 2010-12-27.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]