Luís Piçarra

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde abril de 2013). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Luís Raul Janeiro Caeiro de Aguilar Barbosa Piçarra Valterazzo y Ribadanayra, mais conhecido como Luís Piçarra ComIH (Moura, Santo Agostinho, Pisões, 23 de junho de 1918 - Lisboa, 23 de setembro de 1999) foi um cantor português.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Ficou conhecido principalmente por ter sido autor do segundo e atual hino do Sport Lisboa e Benfica, "Ser Benfiquista".

No dia 23 de abril de 1964 realizou-se no Pavilhão dos Desportos, em Lisboa, um espetáculo de homenagem aos seus 25 anos de carreira.

A 9 de Novembro de 1985 foi feito Comendador da Ordem do Infante D. Henrique.[1]

No ano de 1987 foi lançado o livro "Luís Piçarra instantâneos da minha vida" em edição de autor.

Em 1996 foi lançado uma compilação na série "Caravela" com os temas "Granada", "Avril Au Portugal", "Canção do Ribatejo", "Caminho Errado", "Anda Cá", "Aninhas", "Batalha", "Guitarra da Mouraria", "Morena da Raia", "Santa Maria dos Mares", "Ser Benfiquista" e "O Meu Alentejo".

Referências

  1. Cidadãos Nacionais Agraciados com Ordens Portuguesas Presidência da República Portuguesa. Visitado em 2015-02-28. "Resultado da busca de "Luís Piçarra"."

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este sobre um cantor é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.