Luísa de Bourbon

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Luísa de Bourbon
Madame real
Filha da França
Duquesa de Parma e Piacenza
Louise Marie Therese Bourbon Artois 1819 1864.jpg
Governo
Consorte Carlos III de Parma
Casa Real Casa de Bourbon
Dinastia Bourbon
Vida
Nascimento 21 de Setembro de 1819
Paris, Naval Ensign of the Kingdom of France.svgFrança
Morte 1 de fevereiro de 1864 (44 anos)
Veneza, Flag of Kingdom of Lombardy-Venetia.gifReino Lombardo-Vêneto
Sepultamento Mosteiro Kostanjevica, Nova Gorica, Eslovénia
Filhos Margarida de Bourbon-Parma
Roberto I de Parma
Alice de Bourbon-Parma
Henrique de Bourbon-Parma
Pai Carlos Fernando de Bourbon
Mãe Carolina de Nápoles e da Sicília

Luísa Maria Teresa de Bourbon (em francês Louise Marie Thérèse de Bourbon) (Paris, 21 de setembro de 1819 - Veneza, 1 de fevereiro de 1864), também chamada Luísa d'Artois, Luísa de Berry ou Luísa de França, foi filha da França, titulada madame real, tendo, pelo casamento, se tornado duquesa de Parma e Piacenza.

Família[editar | editar código-fonte]

Luísa era a segunda filha de Carlos Fernando de Bourbon, duque de Berry e de Maria Carolina de Bourbon-Duas Sicílias. Seu avô paterno foi o rei Carlos X de França. Após a morte de seu pai, ela e seu irmão Henrique, conde de Chambord, foram viver com sua tia Maria Teresa, duquesa d'Angoulême (filha de Luís XVI e de Maria Antonieta de Áustria) em Frohsdorf, próximo a Viena.

Casamento e filhos[editar | editar código-fonte]

Casou-se em 10 de novembro de 1845 com Carlos III, duque de Parma, filho de Carlos II de Parma e de Maria Teresa de Saboia. Tiveram quatro filhos:

Morte[editar | editar código-fonte]

Luísa morreu em 1 de fevereiro de 1864, aos 44 anos, no Palácio Giustiniani, em Veneza. Foi sepultada na cripta de seu avô Carlos X no convento franciscano de Castagnavizza.

Referências[editar | editar código-fonte]

== Bibliografia ==[editar | editar código-fonte]

  • E. Vittorini, G. Ferrara, Sangue a Parma, Mondadori editore, Milano, 1967.
  • G. Negri, Compagnia Sant’Angelo Custode, 1853, 49
  • Parma nell’Arte 1 1969, 89-93
  • Dizionario storico politico, 1971, 753. Texto também disponível em: Dizionario biografico degli Parmigiani.
  • U. Delsante, in Al Pont ad Mez 1 1977, 46-48
  • C. Artocchini, Padrone di Parma e Piacenza, 1975, 57-61
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.