Luísa de Schleswig-Holstein

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Luísa
Princesa da Prússia
Princesa de Schleswig-Holstein
Princess Louise Sophie of Schleswig-Holstein-Sonderburg-Augustenburg.jpg
Luísa
Governo
Consorte Frederico Leopoldo da Prússia
Vida
Nascimento 8 de Abril de 1866
Kiel, Alemanha
Morte 28 de Abril de 1952 (86 anos)
Hesse, Alemanha
Filhos Vitória Margarida da Prússia
Frederico Sigismundo da Prússia
Frederico Carlos da Prússia
Frederico Leopoldo da Prússia
Pai Frederico VIII de Schleswig-Holstein
Mãe Adelaide de Hohenlohe-Langenburg

Luísa Sofia de Schleswig-Holstein-Sonderburg-Augustenburg (Feodora Luísa Sofia Adelaide aHenriqueta Amélia), (8 de abril de 1866 - 28 de abril de 1952) foi uma filha do duque Frederico VIII de Schleswig-Holstein e da princesa Adelaide de Hohenlohe-Langenburg.

Família[editar | editar código-fonte]

Luísa era a sexta filha do duque Frederico VIII de Schleswig-Holstein e da sua esposa, a princesa Adelaide de Hohenlohe-Langenburg. Era irmã mais nova da princesa Augusta Vitória de Schleswig-Holstein, imperatriz da Alemanha através do seu casamento com o kaiser Guilherme II e do duque Ernesto Gunther de Schleswig-Holstein.

Os seus avós paternos eram o duque Cristiano Augusto II de Schleswig-Holstein e a condessa Lovisa-Sophie de Danneskjold-Samsøe. Os seus avós paternos eram o duque Ernesto I de Hohenlohe-Langenburg e a princesa Feodora de Leiningen, meia-irmã da rainha Vitória do Reino Unido.1

Casamento e descendência[editar | editar código-fonte]

No dia 24 de Junho de 1889, a princesa Luísa casou-se com o príncipe Frederico Leopoldo da Prússia.2 Frederico era o filho mais novo do príncipe Frederico Carlos da Prússia e da princesa Maria Ana de Anhalt-Dessau e um bisneto do rei Frederico Guilherme III da Prússia. O seu casamento curou uma velha ferida, visto que o pai do noivo tinha sido um dos principais responsáveis pela vitória da Prússia em Schleswig-Holstein durante a Segunda Guerra de Schleswig.3

O casamento foi uma grande cerimónia, realizada no Palácio de Charlottenburg em Berlim. Um espectador comentou que a cerimónia “foi executada com todo o esplendor que tal evento exigia e mostrou que o imperador não está disposto a desistir de nenhuma da pompa e circunstância que foram típicas dos seus antepassados, não, de facto até as tem vindo a aumentar".4 Estiveram presentes muitas figuras importantes, incluindo o cunhado de Luísa, o kaiser Guilherme II, e o rei Jorge I da Grécia. Juntos tiveram quatro filhos:

Vida[editar | editar código-fonte]

Luísa esteve muitas vezes perto da morte. Em 1896, enquanto patinava no gelo perto do Castelo de Glenicke em Potsdam, o gelo quebrou, levando consigo Luísa e uma das suas damas-de-companhia.5 Apesar de terem sido salvos, o príncipe Frederico Leopoldo foi repreendido por Guilherme II e condenado a passar duas semanas preso no seu quarto. Guilherme era cunhado de Luísa e, segundo uma fonte, terá repreendido Frederico devido à indiferença que mostrou perante o acidente da esposa.6 No ano seguinte, Luísa caiu de uma sela quando estava a andar de cavalo e foi arrastada por ele pela estrada, acabando por ser salva pelo ajudante-de-campo do seu marido.7

Luísa representava muitas vezes a sua irmã, a imperatriz, em eventos sociais e visitas a hospitais. Teve uma vida muito sofrida, visto que três dos seus quatro filhos morreram novos enquanto ela ainda estava viva. O seu filho Frederico Carlos foi o primeiro, vindo a morrer de ferimentos graves contraídos durante a Primeira Guerra Mundial em 1917, Vitória morreu em 1923 de gripe espanhola, e Frederico Sigismundo morreu devido a uma queda de cavalo em 1927. Luísa morreu no dia 28 de abril de 1952, aos 86 anos de idade em Bad Nauhein, Hesse, Alemanha.8

Referências

  1. C. Arnold McNaughton, The Book of Kings: A Royal Genealogy, in 3 volumes (London, U.K.: Garnstone Press, 1973), volume 1, page 67.
  2. Lundy, Darryl. "The Peerage: Luise Prinzessin von Schleswig-Holstein-Sonderburg-Augustenburg". http://thepeerage.com/p10865.htm#i108650.
  3. "Berlin's Royal Wedding", The New York Times, 7 de Julho de 1889
  4. "Berlin's Royal Wedding", The New York Times, 7 de Julho de 1889
  5. "The Emperor Exhibits Temper", The New York Times, 5 de Janeiro de 1896, http://query.nytimes.com/gst/abstract.html?res=9C02E4D8153EE333A25756C0A9679C94679ED7CF&scp=2&sq=Prince+Frederick+Leopold+of+Prussia+Louise&st=p
  6. "The Emperor Exhibits Temper", The New York Times, 5 de Janeiro de 1896, http://query.nytimes.com/gst/abstract.html?res=9C02E4D8153EE333A25756C0A9679C94679ED7CF&scp=2&sq=Prince+Frederick+Leopold+of+Prussia+Louise&st=p
  7. "Princess Frederick Leopold's Narrow Escape From Death", The New York Times (Berlin), 14 de Agosto de 1897
  8. C. Arnold McNaughton, The Book of Kings: A Royal Genealogy, in 3 volumes (London, U.K.: Garnstone Press, 1973), volume 1, page 67.