Máquina de venda automática

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Máquina de venda automática de lanches

Máquina de venda automática é uma máquina que comercializa itens como lanches, bebidas, álcool, cigarros, bilhetes de loteria, perfumes, produtos de consumo e até mesmo ouro e pedras preciosas de maneira automática, depois que o consumidor inserir dinheiro no dispositivo.

A mais antiga referência conhecida a uma máquina de venda automática é no trabalho de Heron de Alexandria, um engenheiro e matemático do século I. Sua máquina aceitava uma moeda e, em seguida, dispensava água benta.[1]

Máquinas do tipo, que vendiam tabaco, já operavam em 1615 nas tabernas de Inglaterra. As máquinas eram portáteis e feitas de latão.[2] Um livreiro inglês, Richard Carlile , concebeu uma máquina distribuidora do jornal para a divulgação de obras proibidas em 1822. Simeon Denham patenteou uma máquina de distribuição do selos em 1867, a primeira máquina de venda totalmente automática.[3]

Referências

  1. "Old World, High Tech". Smithsonian Magazine. [World's First Vending Machine (scroll down to read)]. Acessado em junho de 2011.
  2. Automatic Vending Machines. Highbeam Business.
  3. Kerry Segrave (12 de julho de 2002), Vending Machines: An American Social History, McFarland, ISBN 978-0-7864-8159-0, http://books.google.com/books?id=iCSqgzfy38QC 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Máquina de venda automática