Márcia Otacília Severa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Otacília Severa
Imperatriz-consorte romana
Otacilia Severa Musei Capitolini MC2765.jpg
Busto de Otacília Severa.
Governo
Reinado fevereiro de 244-outubro de 249
Consorte Filipe, o Árabe
Antecessor Tranquilina
Sucessor Herênia Etruscila
Vida
Nome completo Marcia Otacilia Severa
Floruit 234-249
Filhos Filipe II de Roma
Júlia Severa
Quinto Filipe Severo
Pai Otacílio Severo

Márcia Otacília Severa ou apenas Otacília Severa foi uma imperatriz-consorte romana, esposa do imperador Filipe, o Árabe. Ela era da família Otacilia, de nível senatorial. Seu pai era Otacílio Severo (ou Severiano), que serviu como governador da província romana da Macedônia e da Mésia. Já sua mãe era da família Márcio ou parente dela. Ela tinha também um irmão chamado Severiano, que serviu como governador da Baixa Mésia entre 246 e 247.

História[editar | editar código-fonte]

Pouco se sabe sobre Otacília antes de seu casamento com Filipe, que servia na guarda pretoriana do imperador Alexandre Severo, em 234. O casal teve três filhos[carece de fontes?]:

  • Marcos Júlio Filipe Severo, conhecido como Filipe II de Roma (n. 238);
  • Júlia Severa (ou Severina), conhecida através de evidências numismáticas, mas que não aparece nas fontes romanas antigas;
  • Quinto Filipe Severo (n. 247);

Em fevereiro de 244, Gordiano III foi assassinado na Mesopotâmia e há uma possibilidade de Severa estar envolvida na conspiração. Filipe se tornou o novo imperador e iniciou seu reinado dando ao seu predecessor um funeral digno, enviando suas cinzas para Roma para serem devidamente sepultadas.

Filipe deu a Severa o título de augusta e o filho dos dois era o herdeiro do trono. É comum que o casal seja considerado como o primeiro casal imperial cristão, pois, durante o reinado deles, as perseguições cessaram e eles demonstraram uma tolerância muito maior que os outros imperadores da época. Otacília, por exemplo, teria tentado intervir para salvar o bispo e santo Bábilas de Antioquia.

Em agosto de 249, Filipe morreu em combate em Verona e Décio o sucedeu como imperador. Severa estava em Roma e, quando chegaram as notícias da morte de Filipe, Filipe II foi assassinado pela guarda pretoriana em seus braços. Severa deixou a vida pública depois disso.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Títulos reais
Precedido por:
Tranquilina
Imperatriz-consorte romana
244–249
Sucedido por:
Herênia Etruscila

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Minaud, Gérard. Les vies de 12 femmes d’empereur romain - Devoirs, Intrigues & Voluptés: La vie de Marcia Otacilia Sévéra, femme de Philippe l’Arabe (em ). Paris: L’Harmattan, 2012. Capítulo 10. p. 243-262.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Márcia Otacília Severa