Márcio Gomes

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo. Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)


Márcio Gomes
Nascimento 5 de dezembro de 1970 (44 anos)
Rio de Janeiro (RJ)
Nacionalidade  brasileiro
Ocupação Jornalista e apresentador de televisão
Principais trabalhos SPTV,Bom Dia Rio,RJTV,Bom Dia Brasil,Jornal Hoje e Jornal Nacional

Márcio Moreira Gomes mais conhecido como Márcio Gomes (Rio de Janeiro, 5 de Dezembro de 1970) é um jornalista, apresentador de televisão e correspondente brasileiro.

Histórico[editar | editar código-fonte]

Formou-se em jornalismo na PUC-Rio, em 1992. A primeira experiência profissional aconteceu na rádio Opus 90, em que trabalhou como redator. Em 1994, na TV Record, começou a se destacar como repórter e foi chamado, pouco tempo depois, para ingressar na Rede Globo, no jornal SPTV, aonde fez parte do rodízio de apresentadores. Foram dois anos em São Paulo, antes de voltar para o Rio de Janeiro, para trabalhar na Globo News, em 1996. Além de fazer reportagens, Márcio editava matérias e apresentava o jornal Em Cima da Hora. Foi sua grande escola: "Aprendi a fazer de tudo. Lá estamos sempre muito perto da notícia".

É apresentador do RJTV desde a reformulação do programa, em janeiro de 2000. Na ocasião, o jornalista deixava a apresentação do jornal Bom Dia Rio, onde também fazia reportagens que, como no RJTV, abordam os assuntos da cidade. Mas, no jornal que estava prestes a assumir, Márcio Gomes encontraria um novo enfoque. "O RJTV tem um lado de ajuda à comunidade que deixa muito evidente a função social do jornalismo. O jornal dá voz à população e motiva as pessoas a agirem", diz.

Além da apresentação do RJTV, participou do rodízio de apresentação do Jornal Nacional aos sábados e apresentador eventual do Bom Dia Brasil, também é repórter especial da TV Globo no Desfile das Escolas de Samba do Rio de Janeiro e tinha uma coluna no Bom Dia Brasil o Você não sabia, mas já existe[1] .

Em janeiro de 2013, foi anunciada sua transferência para o escritório da IPCTV, afiliada da Rede Globo no Japão[2] . saindo em junho do mesmo ano, quando deixou a bancada do RJTV após 15 anos no comando do telejornal carioca. aonde entregou o jornal 'nas mãos' da sua colega Ana Luíza Guimarães. Ao fim do telejornal se despediu da equipe técnica, jornalística e esportiva[3] . Deixou após 18 anos a emissora que o consagrou como um dos melhores apresentadores da TV brasileira. Se despediu da unidade da TV Globo no Jardim Botânico após décadas de trabalho na mesma[4] . tendo estreiado em julho, como correspondente em Tóquio, no qual cobre o Extremo Oriente, o Sudeste Asiático e a Oceania.

Telejornais[editar | editar código-fonte]

Rede Record

Rede Globo

Globo News


Referências