Marsias

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Mársias)
Ir para: navegação, pesquisa
Marsias no suplício: obra do período imperial romano (século I-II

Marsias (do grego Μαρσύας)[1] é um personagem da mitologia grega.

Encontrou a flauta que Atena tinha inventado e, mais tarde, havia descartado, porque, ao tocá-la, suas bochechas ficavam muito inchadas, sendo caçoada por outras deusas (segundo algumas fontes, Hera e Afrodite).[2]

Marsias tornou-se um músico tão perfeito que desafiou Apolo a uma competição, onde o vencedor teria direito de punir o perdedor. Apolo ganhou, e Marsias foi esfolado vivo. O deus arrependeu-se depois, e quis "homenagear" o seu concorrente fazendo do sangue do sátiro nascer o rio Marsias.

O mito simboliza a superioridade da cultura grega, representada pela lira de Apolo, em relação à asiática, representada pela flauta de Marsias.[carece de fontes?]

Referências

  1. Kury, Mário da Gama. Dicionário de Mitologia Grega e Romana
  2. Marsyas theoi. Visitado em 18 de novembro de 2013.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre mitologia grega é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.