Mämmi

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Uma taça de mämmi
Mämmi com natas e açúcar

Mämmi é um doce de Páscoa tradicional da culinária da Finlândia. É também conhecido por memma, em sueco.

É preparado com água, farinha de centeio e malte de centeio, temperados com melaço escuro, sal e casca de laranja seca. A mistura é deixada a repousar, de forma adoçar de forma lenta e natural, antes de ser cozida no forno. A preparação demora muitas horas e, após a cozedura, o mämmi é guardado refrigerado durante 3 a 4 dias até estar pronto para ser consumido.[1] O mämmi era tradicionalmente guardado em pequenas taças feitas de cortiça de bétula, chamadas tuokkonen. As embalagens comerciais ainda apresentam atualmente uma textura a fazer lembrar a cortiça de bétula.

Normalmente, o mämmi é consumido frio com natas e açúcar, molho de baunilha ou gelado de baunilha. É também frequentemente barrado em fatias de pão.

Existe uma associação dedicada ao mämmi,[2] cujo fundandor afirma existirem cerca de 50 receitas que incluem mämmi nos seus ingredientes.[3]

História[editar | editar código-fonte]

O mämmi foi referido pela primeira vez no século XVI, num texto em latim.[4] Alguns autores afirmam que tem sido consumido no sudoeste da Finlândia desde o século XIII.[1]

Originalmente, o mämmi era consumido na quaresma. As suas propriedades laxantes eram associadas com purifigação. Como o doce se mantém fresco durante vários dias, era também adequado para a sexta-feira santa, numa época em que cozinhar nesse dia ia contra a norma religiosa.

Atualmente, o mämmi é sobretudo produzido em massa, estando disponível durante todo o ano nas lojas de comida finlandesas.[5]

Referências

  1. a b Arquivo de receitas nórdicas "Mämmi "
  2. "Suomen Mämmiseura ry"
  3. Helsinki Sanomat, 16.3.2005 "Mämmi Maestro."
  4. [1]]
  5. Järvi-Suomen Portti Oy [2]
Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Mämmi