Mônica de Castro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Esta biografia de uma pessoa viva cita fontes fiáveis e independentes, mas elas não cobrem todo o texto. (desde abril de 2011) Ajude a melhorar esta biografia providenciando mais fontes fiáveis e independentes. Material controverso sobre pessoas vivas sem apoio de fontes fiáveis e verificáveis deve ser imediatamente removido, especialmente se for de natureza difamatória.
Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Mônica de Castro
Nome completo Mônica de Castro
Nascimento 10 de Julho de 1962 (52 anos)
Rio de Janeiro,  Brasil
Nacionalidade Brasileira
Ocupação Escritora
Influências
Principais trabalhos Giselle; A Atriz
Gênero literário Romance; Espiritismo

Mônica de Castro (Rio de Janeiro, 10 de julho de 1962) é uma escritora espírita brasileira.

Vida[editar | editar código-fonte]

Mônica de Castro é formada em Direito e exerce a função de Procuradora do Trabalho. Desde os tempos de menina tem paixão pela literatura.

Certo dia, ficou com o nome Rosali e começou então seu primeiro romance, Uma História de Ontem. Cada dia escrevia um pouco, até descobrir estar psicografando mensagens do seu guia Leonel.

Como ela mesmo diz, citando sua biografia no livro Gêmeas: "Não escrevo para viver. Escrevo porque gosto e sempre acredito estar levando algum bem para as pessoas."

Em 2009, Mônica foi convidada para a Feira do Livro de Garibaldi, graças a estreia do livro: A Atriz.

Obras[editar | editar código-fonte]

  • Uma História de Ontem (2001)
  • Sentindo na Própria Pele (2002)
  • Com o Amor Não se Brinca (2002)
  • Até Que a Vida os Separe (2003)
  • O Preço de ser Diferente (2004)
  • Greta (2005)
  • Giselle (2007)
  • Lembranças que o Vento Traz (2007)
  • Só Por Amor (2008)
  • Segredos da Alma (2008)
  • Gêmeas, Não se Separa o Que a Vida Juntou (2009)
  • A Atriz (2009))
  • De Todo o Meu Ser (2010)
  • De Frente Com a Verdade (2010)
  • Jurema das Matas (2012)
  • Virando o Jogo (2012)
  • Apesar de Tudo (2013)

Referências