Múltiplos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita uma ou mais fontes fiáveis e independentes, mas ela(s) não cobre(m) todo o texto (desde Junho de 2012).
Por favor, melhore este artigo providenciando mais fontes fiáveis e independentes e inserindo-as em notas de rodapé ou no corpo do texto, conforme o livro de estilo.
Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.

Na matemática, um múltiplo é o produto de qualquer quantidade e um inteiro. Em outras palavras, para as quantidades a e b, dizemos que b é um múltiplo de a caso b = na para alguns n inteiro, isto será chamado de multiplicador ou coeficiente . Se a não é zero, isso equivale a dizer que b/a é um número inteiro, sem resto. Se a e b são ambos inteiros e b é um múltiplo de a, então a é chamado de divisor de b. O produto de dois inteiros é chamado às vezes de múltiplo inteiro.[1] [2]

Exemplo[editar | editar código-fonte]

Um número é múltiplo de nove se, e somente se, a soma dos valores absolutos de seus algarismos, quando expresso na base decimal, também for um múltiplo de nove.[3]

Propriedades[editar | editar código-fonte]

  • 0 é um múltiplo de tudo (0=0\cdot b).
  • n é produto de qualquer inteiro e qualquer inteiro é um múltiplo de n. Em particular, n, que é igual a n \times 1, é um múltiplo de n (cada inteiro é um múltiplo de si mesmo), já que 1 é um inteiro.
  • Se a e b são múltiplos de x, em seguida, a + b' e a - b também são múltiplos de x.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. WordNet lexicon database, Princeton University
  2. WordReference.com
  3. João José Luiz Vianna, Elementos de Arithmetica, Capítulo II. Texto disponível no Wikisource