Macedônia Unida

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ethnicmacedonia.jpg

Macedônia Unida (em macedônio: Обединета Македонија, Obedineta Makedonija) é um conceito irredentista entre os macedônios étnicos nacionalistas. Este recorre para o desejo de unificação das regiões transnacionais da Macedônia no sudeste da Europa (reivindicado pelos nacionalistas de etnia macedónia como a sua pátria nacional e, erroneamente dividida pelo Tratado de Bucareste em 1913) em um Estado sob seu mandato, tendo a Tessalônica (chamado por eles Солун, Soluna) como sua capital. [1]

O termo tem sido utilizado desde o início dos anos 1900, nomeadamente em ligação com a Federação Comunista dos Balcãs.

Referências

  1. Greek Macedonia "not a problem", The Times (London), August 5, 1957

Ver Também[editar | editar código-fonte]