Magno Prado Nazaret

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Magno Prado Nazaret
Magno Prado-Copa Caloi 2008.jpg
País  Brasil
Data de nascimento 17 de janeiro de 1986 (28 anos)
Local de nascimento Dourados, Mato Grosso do Sul
Altura 1,72 m
Peso 67 kg
Informação de Equipas
Equipa actual Funvic Brasilinvest - São José
dos Campos
Disciplina Estrada
Função Ciclista
Tipo de corredor Contra-Relogista/Escalador
Amador
2003 Gilmar Bicicletas
Profissional
2004
2005–2008

2009
2010

2011–
Memorial-Santos
Scott-Marcondes César-São José
dos Campos
Fapi-Pindamonhangaba
Scott-Marcondes César-São José
dos Campos
Funvic - Pindamonhangaba
Maiores vitórias
Brasil Campeonato Brasileiro de Contra-Relógio (2011)
Vuelta al Uruguay (2012)
Volta Ciclística de São Paulo (2012, 2014)
Última actualização da infobox:
16 Fev 2014

Magno Prado Nazaret (Dourados, 17 de Janeiro de 1986) é um ciclista brasileiro que atualmente (2014) compete pela equipe Funvic Brasilinvest - São José dos Campos (2013). Sua especialidade é o contra-relógio, mas também é considerado um montanhista, o que lhe qualifica como um ciclista de corridas por etapas. É o campeão brasileiro de contra-relógio de 2011, vencedor da Vuelta al Uruguay de 2012 e da Volta Ciclística de São Paulo por duas vezes seguidas, em 2012 e 2014.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Primeiros Anos[editar | editar código-fonte]

Magno começou a pedalar com 15 anos, quando conheceu um grupo de ciclistas que treinava para uma competição em sua cidade. Ele se juntou a eles e venceu a prova, na categoria juvenil. Ele se mudou para Campo Grande, e passou a defender a equipe da Gilmar Bicicletas em 2003. Neste ano, foi Campeão Brasileiro de CRI Júnior, campeão Estadual e campeão, na categoria Open (sub-18), da Prova Ciclística 9 de Julho.[1] [2]

2005-2006[editar | editar código-fonte]

Em 2005, Magno foi para a equipe Scott-Marcondes César-São José dos Campos. Com 19 anos, continuou mostrando um bom potencial, ao conseguir a 3ª colocação no Campeonato Brasileiro de Ciclismo Contra-Relógio Sub-23. Neste ano, foi convocado pela seleção brasileira pela primeira vez para disputar o Campeonato Mundial de Ciclismo, na Espanha.[3] Em 2006, teve um ano com diversos bons resultados, nos quais já começou a mostrar sua habilidade não só nos contrarrelógios, com a medalha de prata no Campeonato Pan-Americano de CRI e 3º lugar no Campeonato Brasileiro de CRI, mas também nas corridas por etapas. Além de ficar entre os 10 melhores na classificação geral de 4 das principais voltas ciclísticas do país, Magno também ganhou uma etapa na Volta de Porto Alegre, uma etapa na Volta de São Paulo e uma etapa na Volta do Paraná. Entretanto, neste ano Magno enfrentou problemas com doping. Antes do Campeonato Mundial daquele ano, Magno teve registrada uma taxa alta e anormal de hematócitos, e foi afastado do evento. Logo após o teste, o ciclista foi submetido a um outro exame com coleta de urina. Nenhuma substância proibida foi achada, e Nazaret foi inocentado do caso.[4]

Magno Nazaret no Campeonato Mundial de Contrarrelógio 2009, em Mendrisio

2007-2009[editar | editar código-fonte]

Em 2007, ganhou uma etapa da Vuelta por un Chile Lider, sendo o 2º lugar na classificação geral, e ficou no pódio final da Volta do Rio de Janeiro. Poucas semanas depois, ganhou a etapa de CRI da Volta de São Paulo e a classificação geral; mas na 8ª etapa da corrida, testou positivo no anti-doping para a substância sibutramina. Foi suspenso por 6 meses, até o fim de 2007, e perdeu o resultado na Volta de São Paulo (que passou para as mãos de Marcos Novello). De acordo com Magno e sua equipe, a sibutramina veio por contaminação de um suplemento.[5] [6]

Nos anos seguintes, voltou a alcançar várias vitórias, e confirmou a habilidade nas corridas por etapas, através de resultados como melhor ciclista jovem (sub-25) no Tour de San Luis de 2008 e o 3º lugar na classificação geral da Volta de São Paulo. Em 2009, participou do Campeonato Mundial de Ciclismo, em Mendrisio, na Suíça, terminando a prova do contrarrelógio individual em 46º.

2010-2011[editar | editar código-fonte]

Em 2010, competiu pela equipe Scott-Marcondes César-São José dos Campos até Setembro deste ano, quando uma crise financeira levou a equipe a falir. Magno Prado então fechou um contrato com a Funvic - Pindamonhangaba, a mesma equipe pela qual já havia competido em 2009 (antes de voltar para a equipe de São José dos Campos).[7] Já correndo pela equipe de Pindamonhangaba, Nazaret participou da Volta Ciclística de São Paulo, onde venceu o CRI da etapa 4a, assumindo a 2ª colocação na classificação geral com o resultado. A penúltima etapa da competição viria a ser a decisiva para o resultado final. Magno começou a etapa em 2ª na geral, a 14 segundos do líder, numa boa situação para vencer a classificação geral da Volta Ciclística, título que já perseguia há 3 anos. Entretanto, ele perdeu mais de 2 minutos para o vencedor da etapa Gregory Panizo nas subidas até Campos do Jordão, e a vantagem de 1' 06" que tinha para Panizo antes da etapa não foi suficiente para impedir que o ciclista da DataRo tomasse a liderança na classificação geral. Após o fim da etapa, Magno chorou, desolado com o resultado, enquanto Panizo tornou-se o primeiro bicampeão da Volta de São Paulo.[8]

Em 2011, Magno finalmente se tornou campeão brasileiro de contrarrelógio, após dois pódios neste (2006 e 2010).[9] Também venceu uma etapa do Tour do Rio, e, apesar de ter terminado somente em 13º na classificação geral, foi o vencedor da classificação por pontos.

Magno Nazaret com a camisa de líder na Vuelta al Uruguay 2012

2012[editar | editar código-fonte]

O ano de 2012 começou bem para Nazaret. Em uma das primeiras corridas do ano, o Tour de San Luis, na Argentina, ficou em 7º lugar na classificação geral (6º após a suspensão de Alberto Contador), sendo 5º no CRI da 4ª etapa, e 7º na etapa de montanha seguinte. A corrida teve a presença de alguns dos principais atletas do ciclismo mundial, como Levi Leipheimer e Alberto Contador. O último, considerado um dos melhores ciclistas do mundo na época, foi batido por Nazaret no contrarrelógio.[10] Inicialmente, Nazaret havia repetido seu resultado de 2006 ao ser o 2º colocado no Campeonato Pan-Americano de Contrarrelógio, somente atrás do argentino Matías Médici.[11] Entretanto, Médici foi posteriormente culpado de doping por um teste anti-doping positivo para eritropoietina (EPO) na corrida Rutas de América, em fevereiro. Médici foi suspenso por dois anos e perdeu todos os resultados desde o exame positivo.[12] Com isso, o título passou para Nazaret, que conquistou seu primeiro título pan-americano. Em abril, Nazaret venceu a Vuelta al Uruguay, levando também a etapa de contrarrelógio, decisiva no resultado final.[13] Devido a um resfriado, não pôde defender o título de campeão brasileiro de CRI em 2012.[14]

Junto com Murilo Fischer e Gregory Panizo, foi um dos 3 representantes brasileiros no ciclismo de estrada nas Olimpíadas de Londres 2012. Na prova do contrarrelógio, terminou em 26º lugar.[15] Também participou da Volta a Portugal, onde conseguiu a 6ª colocação na etapa de contrarrelógio, a etapa 9.[16] Nazaret então foi à Volta Ciclística de São Paulo como um dos favoritos à vitória na classificação geral. Venceu o CRI da 3ª etapa, colocando-se nessa etapa na posição de líder da prova. Defendeu-se nas etapas restantes da competição, conseguindo subir ao pódio novamente na 7ª etapa, a principal de montanha da corrida, onde foi o 2º lugar. No dia seguinte, confirmou o favoritismo ao vencer a classificação geral da Volta Ciclística de São Paulo.[3] [17] Em 21 de novembro, Magno Nazaret foi anunciado o vencedor do Prêmio Brasil Olímpico 2012 na modalidade de ciclismo de estrada.[18]

2013[editar | editar código-fonte]

Diferentemente de 2012, o começo de 2013 não foi tão bom para Nazaret. Participou da Copa América de Ciclismo e do Tour de San Luis, mas abandonou ambas as provas. Sua equipe não participou da Vuelta al Uruguay, que ele havia ganhado em 2012. Entretanto, voltou a conquistar bons resultados em abril, no Tour de Santa Catarina: terminou entre os 5 primeiros em duas etapas, e chegou a estar a 4 segundos da liderança da prova, mas perdeu tempo nas principais etapas de montanha e acabou em 4º na classificação geral. Apesar disso, ajudou seu companheiro de equipe Otávio Bulgarelli a vencer a classificação geral da prova.[19] No começo de maio, compôs a seleção brasileira no Campeonato Pan-Americano de Ciclismo, terminando em 6º dos 10 participantes no contra-relógio, no qual foi atrapalhado por uma queda, e 27º na prova de estrada.[20] [21] No final de junho, conquistou a 2ª colocação no Campeonato Brasileiro de Contra-Relógio, subindo ao pódio pela terceira vez em suas últimas três participações na prova.[22]

Nazaret participou, em agosto, do Tour of Utah, nos Estados Unidos. Junto com Alex Diniz, foi um dos destaques da equipe, sendo o melhor colocado da Funvic na 5ª etapa, a principal etapa de montanha da prova, na qual terminou em 20º lugar. Na última etapa, Nazaret abandonou a prova alegando não se sentir muito bem.[23] Participou ainda do Tour do Rio, com uma atuação relativamente modesta, alcançando sua melhor colocação na 3ª etapa, a principal etapa de montanha da prova, na qual terminou em 16º. Ainda assim, sua regularidade durante as etapas lhe garantiu a 13ª colocação na classificação geral, sendo o 5º melhor brasileiro da prova.[24]

Principais Resultados[editar | editar código-fonte]

2003
1º - Campeonato Brasileiro de Ciclismo CRI Júnior
2005
3º - Campeonato Brasileiro de Ciclismo CRI Sub-23
2006
1º - GP São Paulo
3º - Classificação Geral da Volta de Porto Alegre
1º - Etapa 3
7º - Classificação Geral da Volta Ciclística de São Paulo
1º - Etapa 8
6º - Classificação Geral da Volta Ciclística do Paraná
2º - Etapa 3
1º - Etapa 5
Gold medal with cup.svg Campeonato Pan-Americano CRI Sub-23
Silver medal with cup.svg Campeonato Pan-Americano CRI
3º - Campeonato Brasileiro de CRI
4º - Tour de Santa Catarina
2007
2º - Classificação Geral da Vuelta por un Chile Lider
1º - Etapa 8
3º - Classificação Geral da Volta do Rio de Janeiro
2008
3º - Classificação Geral do Giro do Interior de São Paulo
2º - Etapa 1 (CRI)
5º - Classificação Geral do Tour de San Luis
Jersey white.svg 1º - Classificação de Jovens (Sub-25)
3º - Classificação Geral da Volta Ciclística de São Paulo
1º - Etapa 3 (CRI)
1º - Copa Recife Speed Bike
2009
3º - Classificação Geral do Giro do Interior de São Paulo
4º - Classificação Geral da Vuelta del Uruguay
5º - Classificação Geral do Tour de Santa Catarina
3º - Classificação Geral da Volta Ciclística de São Paulo
3º - Etapa 1
3º - Etapa 2
2010
2º - Classificação Geral da Rutas de América
1º - Etapa 5b (CRI)
2º - Campeonato Brasileiro de CRI
3º - Campeonato Brasileiro de Resistência
1º - Classificação Geral da Copa Light de Ciclismo
1º - Prova do Contra-Relógio
2º - Classificação Geral da Volta Ciclística de São Paulo
1º - Etapa 4a (CRI)
6º - Ranking Brasileiro de Ciclismo de Estrada
2011
MaillotBrasil.PNG Campeonato Brasileiro de CRI
Jersey green.svg Classificação por pontos do Tour do Rio
1º - Etapa 4
2012
6º - Classificação Geral do Tour de San Luis
Gold medal with cup.svg Campeonato Pan-Americano CRI
Jersey yellow.svg Classificação Geral da Vuelta al Uruguay
1º - Etapa 8 (CRI)
Jersey yellow.svg Classificação Geral da Volta Ciclística de São Paulo
1º - Etapa 3 (CRI)
2º - Etapa 7
2013
4º - Classificação Geral do Tour de Santa Catarina
2º - Campeonato Brasileiro de CRI
2014
Jersey yellow.svg Classificação Geral da Volta Ciclística de São Paulo
1º - Etapa 3
1º - Etapa 4 (CRI)
3º - Etapa 6

Referências

  1. esporteagial.com.br. Personalidade: Magno Prado Nazaret. Página visitada em 19-10-2012.
  2. douradosnews.com.br/. Ciclista de MS vence a prova 9 de julho em Interlagos. Página visitada em 19-10-2012.
  3. a b PortalR3. Magno Nazaret sagra-se campeão do Tour do Brasil de Ciclismo. Página visitada em 21-10-2012.
  4. ss.esp.br. Magno Nazaret comprova inocência no caso doping. Página visitada em 19-10-2012.
  5. ss.esp.br. Empresa interditada é causa de doping de Nazaret. Página visitada em 20-10-2012.
  6. sjciclismo.com.br. Nota Oficial da Equipe Scott/Marcondes César/Fadenp no caso Magno. Página visitada em 20-10-2012.
  7. PortalR3.com.br. Magno Prado e Nilceu Santos são os novos reforços do ciclismo de Pindamonhangaba. Página visitada em 19-10-2012.
  8. esporte.temmais.com. Panizo supera montanha em Campos do Jordão e pode ser o primeiro bicampeão da Volta Ciclística. Página visitada em 20-10-2012.
  9. CBC. Magno do Prado e Luciene Ferreira são campeões do Brasileiro de Contra-Relógio. Página visitada em 14-10-2012.
  10. PortalR3.com.br. Magno bate Contador na etapa de crono do Tour de San Luis. Página visitada em 19-10-2012.
  11. PortalR3.com.br. Magno e Clemilda conquistam medalhas no Pan de Ciclismo. Página visitada em 23-10-2012.
  12. prologo.com.br. Médici é flagrado no doping. Página visitada em 30-06-2013.
  13. PortalR3.com.br. Magno Nazaret sagra-se campeão da Volta Ciclística do Uruguai. Página visitada em 25-10-2012.
  14. prologo.com.br. Prólogo ao vivo no Campeonato Brasileiro. Página visitada em 25-11-2012.
  15. Lancenet.com.br. Magno Prado termina na 26ª posição no ciclismo contrarrelógio. Página visitada em 14-10-2012.
  16. bikemagazine.com.br. Espanhol vence crono individual na Volta a Portugal; Magno Nazaret faz 6º melhor tempo. Página visitada em 25-11-2012.
  17. Globoesporte.com. Magno confirma favoritismo e vence a Volta de SP; Chamorro leva a etapa. Página visitada em 21-10-2012.
  18. prologo.com.br. Prêmio Brasil Olímpico 2012. Página visitada em 23-11-2012.
  19. PortalR3.com.br. Bulgarelli vence no rio do Rastro e é campeão do Tour de SC. Página visitada em 29-06-2013.
  20. cbc.esp.br. Colombiano vence prova da elite no Campeonato Pan-Americano de Ciclismo no México. Página visitada em 29-06-2013.
  21. PortalR3.com.br. Brasil fica sem medalhas no CRI do Pan-Americano de Ciclismo. Página visitada em 29-06-2013.
  22. Clemilda Fernandes é campeã brasileira de Contra-Relógio e Luiz Amorim garantiu o pentacampeonato no masculino. CBC (29/06/2013). Página visitada em 29 de junho de 2013.
  23. São José dos Campos encerra participação no Tour de Utah. PortalR3.com.br (11/08/2013). Página visitada em 17 de novembro de 2013.
  24. 5ª Etapa: Oscar Sevilla leva o Tour do Rio 2013. 2013.tourdorio.com.br (01/09/2013). Página visitada em 17 de novembro de 2013.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]