Mahmoul

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita uma ou mais fontes fiáveis e independentes, mas ela(s) não cobre(m) todo o texto.
Por favor, melhore este artigo providenciando mais fontes fiáveis e independentes e inserindo-as em notas de rodapé ou no corpo do texto, conforme o livro de estilo.
Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.

Mahmoul (ou ma'amoul, ou ainda mamule) é um doce árabe feito à base de semolina, leite e manteiga, com recheio de tâmaras, castanhas e água de flor de laranjeira, açúcar, margarina e outros ingredientes. [1]

Muito popular no Líbano e em outros países árabes, o mahmoul foi trazido para o Brasil por imigrantes provenientes desses países. Ainda sendo pouco conhecido por aqui, dificilmente é encontrado como produto comercial, mas é muito popular em festas e confraternizações organizadas por esses imigrantes e seus descendentes.

Modo de preparo[editar | editar código-fonte]

Misturar semolina e manteiga aos poucos; deixar em descanso até o dia seguinte. Juntar o leite aos poucos e amassar bem. Fazer pequenas bolinhas na palma da mão, colocar o recheio e fechar. Colocar na assadeira sem untar e cozer em forno médio (175°C) até dourar.

Referências

Ver também[editar | editar código-fonte]