Major Dundee

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Major Dundee
Juramento de vingança (BR)
1965 • cor • 123 min 
Direção Sam Peckinpah
Roteiro Harry Julian Fink
Oscar Saul
Sam Peckinpah
Elenco Charlton Heston
Richard Harris
Senta Berger
James Coburn
Jim Hutton
Género faroeste
País  Estados Unidos
Idioma inglês / francês
Página no IMDb (em inglês)

Major Dundee (br: Juramento de Vingança) é um filme estadunidense de 1965, do gênero faroeste, dirigido por Sam Peckinpah.

O filme teve seu lançamento prejudicado em função de discordâncias entre o diretor Peckinpah e estúdio Columbia Pictures, que interferiu na produção e na edição.

A trilha sonora é de Daniele Amfitheatrof.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Em 1864, durante a Guerra Civil, Amos Dundee, major da cavalaria da União, depois de errar na Batalha de Gettysburg é enviado ao Novo México, onde comandará um campo de prisioneiros confederados no Forte Benlin.

O território vem sendo devastado por um bando de apaches renegados liderados por Sierra Charriba, que na chegada de Dundee acabara de massacrar uma companhia do exército e sequestrar três crianças. Dundee encontra o jovem soldado sobrevivente Ryan que lhe conta suas desconfianças do guia índio Riago, outro que escapou. Dundee quer recuperar a carreira e resolve ir atrás dos apaches para resgatar as crianças e deter o chefe Charriba. Mas como os índios fugiram para o México, Dundee tem que buscar voluntários para uma perseguição irregular além da fronteira. Dentre os prisioneiros está o confederado Capitão Tyreen, que foi amigo de Dundee antes da guerra. O major tenta convencer os prisioneiros e o capitão Tyreen a se oferecerem como voluntários para caçar os apaches. Tyreen não quer saber, mas ameaçado de forca pela morte de um soldado, ele acaba aceitando, e com ele vão vários oficiais e soldados confederados eficientes. Dundee continua a buscar voluntários e reúne um grupo formado por soldados da União (alguns negros), criminosos e alguns índios (inclusive Riago), que se juntarão aos confederados.

Além dos ataques dos índios, ao perseguí-los além da fronteira, Dundee irá se confrontar com um exército de soldados franceses, que estão no México à serviço do imperador Maximiliano.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Applications-multimedia.svg A Wikipédia possui o
  • Charlton Heston .... Major Amos Dundee.
  • Richard Harris .... Capitão Benjamin Tyreen.
  • Jim Hutton .... Tenente Graham (um pomposo e inexperiente artilheiro)
  • James Coburn .... Samuel Potts (um guia montanhês maneta)
  • Senta Berger .... Teresa Santiago (esposa de um doutor austríaco, que vive numa vila mexicana)
  • Mario Adorf .... Sargento Gomez (fiel braço direito de Dundee)
  • Warren Oates .... O.W. Hadley (confederado irresponsável, deserta e é punido)
  • Michael Anderson Jr. .... Tim Ryan (o corneteiro e narrador)
  • Slim Pickens .... Wiley (bêbado)
  • Ben Johnson .... Sargento Chillum (braço direito de Tyreen)
  • R.G. Armstrong .... Reverendo Dahlstrom (voluntário contra os apaches)
  • Brock Peters .... Aesop (líder de um pequeno grupo de soldados negros do Forte Benlin)
  • L.Q. Jones .... Arthur Hadley (irmão de O.W.)
  • Dub Taylor .... Benjamin Priam (ladrão de cavalos)
  • John Davis Chandler .... Jimmy Lee Benteen (rebelde racista)
  • Karl Swenson .... Capitão Frank Waller (oficial que desaprova Dundee).

Referências históricas[editar | editar código-fonte]

Em Minnesota, na chamada "Guerra Dakota de 1862", forças da União recrutaram prisioneiros confederados do Texas para lutarem contra os índios.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]