Malhação (15ª temporada)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Malhação 2008)
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita uma ou mais fontes fiáveis e independentes, mas ela(s) não cobre(m) todo o texto (desde dezembro de 2011).
Por favor, melhore este artigo providenciando mais fontes fiáveis e independentes e inserindo-as em notas de rodapé ou no corpo do texto, conforme o livro de estilo.
Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Broom icon.svg
As referências deste artigo necessitam de formatação (desde setembro de 2011).
Por favor, utilize fontes apropriadas contendo referência ao título, autor, data e fonte de publicação do trabalho para que o artigo permaneça verificável no futuro.
Malhação 2008
New Wave - Season 15 (PT)
Malhação (BR)
Logotipo da temporada.
Informação geral
Formato Série
Duração 30 minutos aproximadamente
Criador(es) Jaqueline Vargas
Patrícia Moretzsohn
Glória Barreto
Emanuel Jacobina
Cláudio Lisboa
Maria Mariana
Alessandra Poggi
Charles Peixoto
País de origem  Brasil
Idioma original (em português)
Produção
Diretor(es) Mário Márcio Bandarra
Marcos Paulo
Ricardo Waddington
Elenco Sophie Charlotte
Rafael Almeida
Nathália Dill
Caio Castro
ver mais
Tema de abertura "Paraíso Proibido", Strike [nota 1]
"Daqui para frente", NX Zero [nota 2]
Tema de
encerramento
"Paraíso Proibido", Strike
"Daqui pra frente" NX Zero
dentre outras músicas
Exibição
Emissora de
televisão original
Rede Globo
Formato de exibição 480i (SDTV)
Transmissão original 15 de outubro de 2007 - 9 de janeiro de 2009
Nº de episódios 324
Cronologia
Último
Último
Malhação 2007
Malhação 2009
Próximo
Próximo

A décima-quinta temporada da série de televisão brasileira Malhação foi produzida e exibida pela Rede Globo entre 15 de outubro de 2007 e 9 de janeiro de 2009, sendo a mais longa temporada da série. Foi escrita por Patrícia Moretzsohn e Jaqueline Vargas, com colaboração de Maria Mariana e Alessandra Poggi e consultoria de texto de Charles Peixoto. Trouxe na história Diversidade entre indivíduos. Teve direção geral de Mario Marcio Bandarra e Leonardo Nogueira. A direção de núcleo coube a Ricardo Waddington (primeira e segunda fases) e Marcos Paulo (terceira fase).

Contou com Sophie Charlotte, Rafael Almeida, Mariana Rios, Jonatas Faro, Carolina Kasting, Daniel Boaventura, Cleiton Morais, Carolinie, Johnny Massaro, Sophia Abrahão, Sílvia Salgado, Licurgo Spínola, Caio Castro e Nathália Dill nos papéis principais.

História[editar | editar código-fonte]

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Diversidade entre indivíduos[editar | editar código-fonte]

A História de um amor impossível que ressalta as diferenças entre os jovens que pertencem a universos opostos, questionando seus valores diante do novo onde terá que superar a distância que separa seus mundos e provar para todos, inclusive para eles próprios, que apesar das diferenças os dois se completam.

Temas recorrentes[editar | editar código-fonte]

Atividades
Amor e Relacionamento
Sentimentos e ações negativas
Criminalidade

Produção[editar | editar código-fonte]

  • A temporada 2008 trouxe várias modificações no enredo, nos cenários e na estrutura da trama. Um bom exemplo é a abolição da técnica Cold Open, usada na trama desde 1998. Outro exemplo é a abolição de cenários usados há anos, como o Restaurante Gigabyte, o Clube e o Casarão com práticas de esportes como o skate e judô. Além disso, pela primeira vez foram modificados mais de 80% do elenco da temporada anterior.
  • Com estrutura já desgastada, a temporada de 2007 não obteve bons índices de audiência e foi reduzida: terminaria em meados de janeiro de 2008, mas acabou em meados de outubro de 2007. Dia 15 de outubro de 2007 estreou a nova temporada, a que adentrou 2008 - com novo elenco, novas histórias e nova abertura.
  • Foi a temporada que fugiu de todas as "regras" estabelecidas no roteiro de Malhação, desde 2000, quando entrou em cena o colégio Múltipla Escolha. Em 2008, mais de 80% do elenco foi renovado e a trama teve uma estrutura mais acelerada e um formato de novela.
  • Após a radical transformação, a audiência só fez piorar. A produção então, começou a apostar em clipes musicais envolvendo os personagens da novela e seus contextos. Essa ideia fora baseada no filme infanto-juvenil High School Musical, em que clipes musicais davam sustento a história. A ideia não foi muito bem aceita pelo grande público e acabou sendo extinta na novela aos poucos.
  • Sidney Sampaio, que esteve no elenco da temporada de 2001, como o super-dotado Daniel, voltou a participar da trama, desta vez interpretando o mulherengo Tony Fontes.

Exibição[editar | editar código-fonte]

A Rede Globo decidiu mudar os horários de alguns programas para obter uma audiência maior por conta do horário de verão. Malhação começou a partir do dia 27 de Outubro às 17h55.[1]

Audiência[editar | editar código-fonte]

  • A temporada estreou com 21 pontos no Ibope. [2]
  • A trama sofreu com a baixa audiência em seus primeiros capítulos. No capítulo exibido dia 27 de dezembro de 2007, por exemplo, a novelinha teen registrou sua pior média: 13 pontos. Foram feitas diversas alterações no enredo para atrair o público, mas pouco adiantou.
  • O capítulo que antecipou a estreia da novela das 18h Negócio da China, exibido no dia 6 de outubro de 2008 foi o de maior audiência da temporada, com média de 29 pontos.
  • O último capítulo da temporada deu média de 21 pontos. [3]
  • Ao longo dos 324 capítulos, a temporada 2008 acumulou média de 22 pontos no Ibope. [4] Na época, a média, por ser inferior às temporadas antecessoras, foi considerada baixa. Porém, é superior a todas as que viriam em seguida.

Recepção[editar | editar código-fonte]

  • A trama não foi bem aceita pela crítica, que a acusava de pouca verossimilhança e pobreza no que diz respeito ao texto e a história.
  • Alguns atores, porém, conseguiram obter destaque e notoriedade. Nathália Dill e Mariana Rios foram os grandes destaques como as vilãs Débora e Yasmin. A primeira, após o trabalho em Malhação, protagonizou três novelas das 18h: Paraíso, Escrito nas Estrelas e Cordel Encantado.

Prêmios[editar | editar código-fonte]

Prêmio Minha Novela[5]

  • Revelação do ano - Caio Castro
Melhores do Ano - Domingão do Faustão
  • Atriz Revelação - Mariana Rios
  • Atou ou Atriz Mirim - Nando Caetano
11ª Prêmio Contigo

Grupos Fictícios[editar | editar código-fonte]

The Banda[editar | editar código-fonte]

The Banda
Informação geral
Origem Fictícia (Malhação)
País Brasil Rio de Janeiro - RJ
Gênero(s) Pop Rock
Período em atividade 2008 - 2009
Gravadora(s) Som Livre
Integrantes
Guga (voz, violão e guitarra)
Luana (voz e em outros instrumentos)
Pedro (baixo)
Raiden (bateria)
Bodão (guitarra)
Ex-integrantes
Angelina (vocal)

The Banda é uma banda de pop rock fictícia do universo da série, assim como a famosa e extinta Vagabanda que fez sucesso em 2004. A "The Banda" foi constituída por Guga (Rafael Almeida) na voz, violão e guitarra, Luana (Keli Freitas) no vocal e em outros instrumentos, Pedro (Maxwell Nascimento) no baixo, Bodão (Bernardo Mendes) na guitarra e Raiden (Daniel Uemura) na bateria.

No início, a vocalista era Angelina, mas após ter engravidado de Bruno (Caio Castro), na série, foi substituída por Luana (Keli Freitas).

A banda lançou um single: "Quando eu te conheci…", incluído na trilha nacional de Malhação 2008.

Singles[editar | editar código-fonte]

  • Quando eu te conheci… (tema de Angelina e Gustavo)
  • Quem Sabe (tema de Angelina e Gustavo)
  • A sua prisão é você quem escolhe (tema de Luana e Gustavo)
  • Aonde Você Foi Parar (tema de Gustavo)
  • Pra Recomeçar (tema de Luana e Gustavo)

Faniquito[editar | editar código-fonte]

Faniquito
Informação geral
Origem Fictícia (Malhação)
País Brasil Rio de Janeiro - RJ
Gênero(s) Pop
Período em atividade 2008
Integrantes
Yasmin
Débora
Andréas
Peralta
Felipa Gentil

Faniquito foi uma banda Pop fictícia do universo da série, em 2008. Era formada por "Yasmin" (Mariana Rios), "Débora" (Nathália Dill), "Andréas" (Cleiton Morais), "Waldemar Peralta" (Jonatas Faro) e "Felipa Gentil" (Sophia Abrahão).

Início & Fim do Grupo[editar | editar código-fonte]

Com o surgimento da The Banda, nasceu, também, a Faniquito. Ela é o oposto: enquanto a "The Banda" era uma banda de rock nacional, a Faniquito era uma banda pop. Fez sucesso no seriado com os singles "Isso me dá um faniquito" e "Passa na praça, fubá".

Após a descoberta da farsa de que não era "Débora" que cantava, e sim, "Yasmin", o grupo chegou ao fim. Apenas "Yasmin" lançou carreira solo e mais um single de sucesso: "Tô bege, tô pink, tô blue".

Singles[editar | editar código-fonte]

  • Isso me dá Faniquito
  • Eu sou Mais Eu
  • Sacode, Sacode
  • Passa na Praça, Fubá
  • Tô bege, tô Pink, tô Blue

Elenco[editar | editar código-fonte]

Sophie Charlotte interpretou a protagonista Angelina
Mariana Rios interpretou Yasmin Fontes.
Caio Castro interpretou o vilão Bruno.
Jonatas Faro interpretou Peralta.
Sophia Abrahão interpretou a patricinha Felipa Gentil.
Ator Personagem
Sophie Charlotte Angelina Maciel Rios
Rafael Almeida Gustavo Bergantin (Guiga/Guga)
Nathália Dill Debora Rios
Mariana Rios Yasmin Fontes (Blue Spencer)
Caio Castro Bruno Oliveira Guimarães (Bruno)
Licurgo Spínola Félix Rios (Ernesto Ribeiro)
Carolina Kasting Béatrice Loprèt Lopes
Daniel Boaventura Adriano Lopes / Mariano Lopes / Dona Drica Lopes
Sílvia Salgado Daisy Lininirro Bergantin
Jonatas Faro Waldemar Peralta (Peralta)
Carolinie Figueiredo Domingas Gentil
Isabel Fillardis Rita de Cássia Dutra Berguer Rios
Sophia Abrahão Felipa Gentil
Zé Carlos Machado Joaquim Bergantin
Johnny Massaro Fernando Chalfon (Fernandinho)
Daniel Uemura Raiden Nishimira
Guilherme Winter Tiago Junqueira
Norma Blum Dionísia Pimenta
Mariah Rocha Chiara Marcondes
Déborah Kalume Eneida Marmotel
Maxwell Nascimento Pedro Firmino
Nando Caetano Lucas Gomes (Lukinha)
Bernardo Mendes Ivan Cardoso (Bodão)
Raisa Gaio Giselle Marmotel
Rael Barja Caju
Eliane Costa Maria das Montanhas
Beth Lamas Professora Forte
Camila Rodrigues Teresa Lopes
Antônio Pedro Borges Valério Pimenta (Capitão)
Serjão Loroza Orfeu
Karla Nogueira Aurélia
Dulcinéia Dibo Zulaide
Sóstenes Vidal Isidoro
Evelyn Oliveira Joana
Henrique Taipas Godofredo Leitão (Gordofredo)
Kaleo Maciel Marcelo Forte (Fortinho)
Fabiana Motta Carolina Forte (Fortinha)
Lucas de Jesus Leonardo Maciel (Léo)
Larissa Pereira Antonieta Bergantin
Ângela Vieira Diva Junqueira Arrel
Sidney Sampaio Tony Fontes
Keli Freitas Luana
Cleiton Morais Andréas Campadelli
Elenco de apoio

Elementos[editar | editar código-fonte]

Perfis dos Personagens[editar | editar código-fonte]

Trilha sonora[editar | editar código-fonte]

Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde dezembro de 2009).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
  • Os CD´s Malhação Internacional 2007 I e II foram lançados como se fossem da temporada de 2007, mas as músicas só foram tocadas, na verdade, nesta temporada, a de 2008.

Trilha Sonora de Malhação Internacional 2007 I[editar | editar código-fonte]

Capa: O logotipo da série

  1. In The Colors - Ben Harper & The Innocent Criminals
  2. Take a Chance - The Magic Numbers
  3. Hold On - KT Tunstall (tema de Débora)
  4. Nothing But a Song - Tiago Iorc (tema de Angelina e Gustavo)
  5. Waiting On The World To Change - John Mayer
  6. Class A - Pete Murray
  7. Ordinary Day - Dolores O'riordan
  8. Without You - Silicon Fly
  9. These Arms - Donovan Frankenreiter
  10. Talk About It - Eman

Trilha sonora de Malhação Internacional 2007 II[editar | editar código-fonte]

Capa: O logotipo da série

  1. Who Knew - Pink
  2. Beautiful Place - Good Charlotte
  3. Light Up The Sky - Yellowcard
  4. Little Sister - Mariano San Roman
  5. Closer - Travis
  6. Butterfly - Heath Brandon
  7. Graffiti - Inmigrantes
  8. It's Not Over - Daughtry
  9. Fans - Kings of Leon
  10. Losing - Zach Ashton
  11. Banks of The Deep End - Gov't Mule

Trilha sonora de Malhação Nacional 2008[editar | editar código-fonte]

Capa: Nathália Dill, Sophie Charlotte, Rafael Almeida, Caio Castro e Mariana Rios.

  1. Daqui Pra Frente - NX Zero (tema de abertura da segunda fase)
  2. Uma Música - Fresno
  3. Monstro Invisível - O Rappa
  4. Quero Te Ver Bem - Udora
  5. Verdades do Mundo - Detonautas
  6. Tudo é Passageiro - Primadonna
  7. Quase sem Rumo - El Niño
  8. Medo de Amar - Claus & Vanessa
  9. Dançando com a Lua - Capital Inicial
  10. Divina Comédia - Scracho
  11. Tô Fora - Kelly Key
  12. Cartas Pra Você - NX Zero
  13. Impossível - Seu Cuca
  14. Um Tempo de Paixão - Tânia Mara
  15. Não vá embora - Jammil e Uma Noites
  16. Vaza! - Ruanitas
  17. Quando eu te conheci… - The Banda
e ainda
  1. Paraíso proibido - Strike (tema de abertura da primeira fase)
  2. Fugindo de Mim - Wilson Sideral
  3. Pronto pra atacar - Hóri (tema geral)
  4. Festa no Apê (Remix) - Latino
  5. O Segundo Sol - Cássia Eller

Notas

  1. Inicialmente tinha esta música como tema de abertura desde 15 de outubro de 2007 até 1 de agosto de 2008
  2. Substituiu a música tema de abertura criada pela banda Srike desde 4 de agosto de 2008 até 9 de janeiro de 2009.

Referências