Manifestações estudantis de 2012 no Quebec

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Red square badge Quebec student strike.png

As manifestações estudantis de 2012 no Quebec são diversos protestos organizados por agremiações estudantis no estado, contra uma proposta do primeiro-ministro do Quebec Jean Charest, para aumentar a anuidade das universidades de 2.168 para 3.793 dólares canadenses entre 2012 e 2017.[1]

Diversas propostas de negociação do governo foram recusadas pelos representantes estudantis.[2] A greve estudantil começou em 13 de fevereiro de 2012, quando os estudantes da Universidade Laval decidiram entrar em greve estudantil, seguido pela Universidade do Quebec em Montreal.[3] [4] [5] [6]

Em 22 de março de 2012, eram cerca de 166.068 estudantes em greve estudantil e prevenindo outros estudantes de assistirem as aulas,[7] com mais de 300.000 manifestantes, incluindo apoiadores e membros não-estudantes, nesta época.[8]

Descontentes com uma lei que restringia os protestos (a Bill 78), em 22 de maio houve a marcha denominada "O maior ato de desobediência civil na história do Canadá", com entre 100.000 e 400.000 manifestantes no centro de Montreal.[9] [10] [11] [12]

Ver também[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Manifestações estudantis de 2012 no Quebec

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. La grève étudiante sur le web Radio-Canada (2 April 2012).
  2. offer
  3. Quebec student group rejects Liberal proposal to end strike National Post. (29 April 2012).
  4. Bank of Canada. Bank of Canada Inflation Calculator Bankofcanada.ca.
  5. National – The Globe and Mail M.theglobeandmail.com.
  6. How much will it cost you? Government of Quebec. Página visitada em May 19, 2012.
  7. Associations en grève 1625canepassepas.ca.
  8. Over 165,000 Students On Strike in Quebec Over Planned Tuition Hikes therealnews.com.
  9. Droits de scolarité au Québec : un débat de société src.ca.
  10. Ouimet, Michèle. La belle vie La Presse. Página visitada em April 4, 2012.
  11. Adrian Morrow. Canadians paying more for education, OECD finds Globe and Mail..
  12. McDonald, L. Ian. Students don't know how good they have it The Montreal Gazette. Página visitada em June 1, 2012.
Ícone de esboço Este artigo sobre educação ou sobre um educador é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.