Manipulação direta

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde julho de 2010).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Ambox question.svg
Esta página ou seção carece de contexto (desde julho de 2010).

Este artigo (ou seção) não possui um contexto definido, ou seja, não explica de forma clara e dire(c)ta o tema que aborda. Se souber algo sobre o assunto edite a página/seção e explique de forma mais clara e objetiva o tema abordado.

Manipulação direta, ou softwares por interfaces por manipulação direta, é um estilo de interação que envolve representação contínua do objeto de interesse, e rápida, e reversível e ações de incremento e retorno. A intenção é permitir a manipulação de objetos presentes usando recursos que correspondem proximamente ao mundo físico.[1] ,[2]

O termo foi inicialmente cunhado por Ben Shneiderman e trata de uma aproximação do mundo computacional ao mundo real físico.

Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.

Referências

Ver também[editar | editar código-fonte]