Mansão do Caminho

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A Mansão do Caminho é a obra social do Centro Espírita Caminho da Redenção, situada em Salvador, no estado da Bahia, tendo sido fundada em 15 de agosto de 1952 pelo médium e orador espírita Divaldo Pereira Franco e seu primo Nilson de Souza Pereira.

Fundação[editar | editar código-fonte]

Segundo relato disponível na página da instituição, no ano de 1948, Divaldo e seu primo Nilson viajavam de trem quando, em dado instante, o médium teve uma visão psíquica olhando pela janela. Ele teria visto um lugar arborizado, com muitas construções, adultos e crianças e onde havia um homem de costas, homem este que, ao se virar de frente, para surpresa de Divaldo, era ele mesmo, porém, mais velho. A visão teria causado a Divaldo um impacto. Tendo ele contado o ocorrido a Nilson, ambos ficaram sem compreender o fato. Ele teria, então, escutado uma voz a lhe dizer: "Isto é o que farás de tua vida. Educarás".

Prossegue o relato dizendo que, um ano depois, numa reunião mediúnica, um espírito ter-se-ía manifestado por Divaldo, dizendo que havia um programa espiritual para que fosse construída, em Salvador, uma obra de educação, baseada em lares substitutos e que eles poderiam ter a honra de realizar essa empreitada. Divaldo e Nilson aceitaram a tarefa e, com ajuda de um grupo de colaboradores, arremataram, em 1951, um casarão numa hasta pública, vindo a fundar, em 15 de agosto de 1952, a Mansão do Caminho.

A instituição hoje[editar | editar código-fonte]

Situada na Rua Jayme Vieira Lima, 104, no bairro de Pau da Lima, em Salvador, a Mansão do Caminho começou funcionando com lares para crianças órfãs ou socialmente órfãs, objetivando reconstruir o ambiente familiar. Com o tempo, os lares foram sendo substituídos por grupos escolares, oficinas de capacitação profissional e outras atividades sociais de promoção social, apoiando crianças, jovens e adultos carentes provenientes de bairros de baixa renda próximos, fornecendo a eles educação integral. A Instituição atende, gratuitamente, cerca de 3.200 crianças e adolescentes por dia, além de adultos e idosos carentes. Para os alunos das escolas, crianças da Creche A Manjedoura, albergados da Caravana Auta de Souza e funcionários, a Mansão do Caminho fornece cerca de 5.000 refeições por dia.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]