Manuel Sarmento Rodrigues

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Manuel Maria Sarmento Rodrigues ComCGOCGCCOAComAGCAComSEGCIGCIH (Freixo de Espada à Cinta, 15 de Junho de 1899Lisboa, 1 de Agosto de 1979) foi um Almirante da Marinha de Guerra Portuguesa, administrador colonial e professor de grande nomeada.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Nasceu a 15 de Junho de 1899 no concelho de Freixo de Espada à Cinta. Depois de frequentar o Liceu em Bragança e a Universidade de Coimbra, ingressou na Escola Naval, concluindo o curso de Marinha em 1921.

Como oficial subalterno, embarcou no NRP República (a bordo do qual acompanhou a viagem aérea de Gago Coutinho e Sacadura Cabral através do Atlântico Sul) e no NRP Lis, foi ajudante-de-campo do governador-geral da Índia e, a bordo do transporte NRP Pero de Alenquer, prestou assistência às vítimas do terramoto de 1926 que naquele ano abalou o Faial. Viajou extensamente pelas colónias portuguesas do Extremo Oriente e África. A 15 de Dezembro de 1932 foi feito Oficial da Ordem Militar de Avis.[1]

Em 1936 fez parte da Missão Hidrográfica das Ilhas Adjacentes, organismo encarregue de fazer o levantamento dos mares dos Açores e Madeira. Paralelamente frequentou a Escola Superior Colonial. A 10 de Abril de 1940 foi elevado a Comendador da Ordem Militar de Avis.[2]

Em 1941 assumiu em Ponta Delgada o comando do contratorpedeiro NRP Lima, cargo que manteve até 1945. A bordo do Lima participou em várias operações de salvamento de navios torpedeados nos mares dos Açores no decurso da Segunda Guerra Mundial. Enquanto comandante do contratorpedeiro Lima e durante um dos salvamentos o seu navio sofreu uma inclinação de 67º. Este feito único na história da navegação está descrito na obra "O Nosso Navio". A 19 de Novembro de 1941 foi feito Comendador da Ordem Militar de Cristo.[3]

Como oficial superior, iniciou uma fase da sua carreira dedicada à administração colonial, sendo Governador da Guiné Portuguesa entre 1945 e 1949. A 29 de Abril de 1947 foi feito Comendador da Ordem Militar de Sant'Iago da Espada.[4] Em 1950 integrou o Governo de António de Oliveira Salazar como Ministro das Colónias (a partir de 1951, Ministro do Ultramar), tendo nessas funções implementado uma vasta reforma da administração colonial portuguesa e visitado o Extremo Oriente, o Sueste Asiático e a África. A 10 de Dezembro de 1954 foi elevado a Grande-Oficial da Ordem Militar de Cristo, a 15 de Julho de 1955 foi elevado a Grã-Cruz da mesma Ordem e a 12 de Junho de 1957 foi agraciado com a Grã-Cruz da Ordem do Império.[5] Entre 1961 e 1964 foi governador-geral de Moçambique. A 9 de Dezembro de 1961 foi elevado a Grã-Cruz da Ordem Militar de Avis e a 24 de Março de 1962 foi agraciado com a Grã-Cruz da Ordem do Infante D. Henrique.[6]

Faleceu em Lisboa em 1979.

Publicou extensa obra sobre assuntos navais, de defesa e de administração colonial. É autor de Os Ancoradouros das Ilhas dos Açores, um roteiro detalhado dos mares e costas do arquipélago, resultado da sua experiência no comando do contratorpedeiro Lima em comissão nos Açores durante a Segunda Guerra Mundial.

Obras publicadas[editar | editar código-fonte]

  • Os maometanos no futuro da Guiné Portuguesa, 1948.
  • Presença de Moçambique na vida da Nação, Agência Geral do Ultramar, Lisboa, 1964.
  • Os Ancoradouros das Ilhas dos Açores, Instituto Hidrográfico, Lisboa, 1970.[7]
  • Alguns aspectos dos nossos problemas do Ultramar, Porto : Centro de Estudos e Formação Imperial, 1952.
  • Aos Portugueses da Índia : alguns discursos proferidos e mensagens enviados pelo Ministro do Ultramar… Sarmento Rodrigues…, Divisão de Publicações e Biblioteca, Agência Geral do Ultramar, Lisboa, 1954.
  • O Capitão César Maria de Serpa Rosa (1899-1968): inspector-superior chefe da Administração Ultramarina (1899-1968), Lisboa.
  • Filipe Gastão de Almeida d'Eça ; apontamentos biográficos., Lisboa, Agência-Geral do Ultramar , 1969.
  • Description de la côte occidentale d'Afrique : (Senegal au Cap de Monte, Archipels) par Valentin Fernandes (1506-1510) ; préface, Sarmento Rodrigues . - Bissau : [s.n.] , 1951 (Lisboa : Sociedade Industrial de Tipografia)
  • Esperanças e realidades da vida portuguesa : (discursos, conferências, estudos) : 1950-60, Lisboa : Centro de Estudos Históricos Ultramarinos, 1965.
  • Evolução recente da política africana, Lisboa : [Sociedade Industrial Gráfica] , 1960.
  • João Rodrigues Cabrilho : Achegas para a sua biografia, pelo Visconde de Lagoa. Prefácio do Comodoro Sarmento Rodrigues . - Lisboa : Agência Geral do Ultramar : [Paulino Ferreira, Filhos] , 1958.
  • No governo da Guiné : discursos e afirmações, Lisboa : Agência Geral das Colónias , 1949.
  • Portugal na Índia : discurso proferido na Assembleia Nacional em 1 de março de 1950, Agência Geral do Ultramar, Divisão de Publicações e Biblioteca, Lisboa : [s.n.] , 1954 (Paulino Ferreira, Filhos, imp.)
  • Nelson's heroic life, Agência Geral do Ultramar, Lisboa, 1962.

Referências

  1. http://www.ordens.presidencia.pt/
  2. http://www.ordens.presidencia.pt/
  3. http://www.ordens.presidencia.pt/
  4. http://www.ordens.presidencia.pt/
  5. http://www.ordens.presidencia.pt/
  6. http://www.ordens.presidencia.pt/
  7. Trata-se de um clássico que qualquer amante das coisas náuticas que queira conhecer os Açores necessita ler. A obra aparece com um prefácio datado de bordo do contra-torpedeiro "Lima" em comissão nos Açores no ano de 1942, tendo sido objecto de reedições revistas e actualizadas em 1958 e 1967. Em 1970, foi lançada uma reimpressão da edição de 1967.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Adriano Moreira, Alberto Cutileiro, Alberto Ribas Lopes Praça, et al., Almirante Sarmento Rodrigues, 1899-1979: testemunhos e inéditos no centenário do seu nascimento, Academia de Marinha e Câmara Municipal de Freixo de Espada à Cinta, Lisboa, 1999.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Ricardo Vaz Monteiro
Governador da Guiné Portuguesa
1945 - 1950
Sucedido por
Raimundo António Rodrigues Serrão
Precedido por
Pedro Correia de Barros
Alto comissário e governador-geral de Moçambique
19611964
Sucedido por
José Augusto da Costa Almeida