Mar Morto (livro)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Mar Morto é um romance de autoria do escritor brasileiro Jorge Amado, membro da Academia Brasileira de Letras, publicado em 1936.

O livro trata do nascimento, vida e morte do personagem Guma, que o autor descreve como sendo uma história que se conta nos cais baianos, uma lenda, como ele mesmo diz no final do livro: "assim contam os homens do mar". O livro conta ainda com a amada de Guma [Lívia], o filho do casal e inúmeros pescadores como Mestre Manuel e sua mulher que canta para o mar [Maria Clara], tudo isso temperado com a malandragem e os encantos da Bahia única de Jorge Amado.

Em verdade, o livro faz inúmeras referências a outros pescadores célebres, cita exaustivamente santos do candomblé e também descreve com grande detalhe o modo de vida miserável do "povo do mar", a morte sempre latente, naufrágos e amores.

A história central do romance seria mais tarde adaptada para a televisão, na novela Porto dos Milagres de Aguinaldo Silva.