Marcelo Labarthe

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Marcelo Labarthe
Informações pessoais
Nome completo Marcelo Martini Labarthe
Data de nasc. 12 de agosto de 1984 (29 anos)
Local de nasc. Porto Alegre, RS, Brasil
Altura 1,74 m
Apelido Labarthe
Informações profissionais
Clube atual  Grécia {Platanias}
Número 70
Posição Meia
Clubes de juventude
1995-2004 Brasil Internacional
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos (golos/gols)
2004-2005
2005
2005-2006
2006-2007
2007-2008
2009
2010
2011
2012
2013-
Brasil Internacional
Portugal Sporting
Portugal Beira-Mar
Portugal Vitória de Setúbal (E)
Brasil Grêmio (E)
Japão Ventforet Kofu
Brasil Caxias
Brasil São José-RS
Brasil Comercial
Grécia Predefinição:Platanias
0018 0000(0)
0004 0000(0)
0017 0000(1)
0021 0000(3)
0015 0000(2)
0029 0000(5)

0008 0000(0)
0003 0000(0)
003 0000(0)


2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 15 de Abril de 2012.

Marcelo Martini Labarthe, também conhecido apenas como Marcelo Labarthe (Porto Alegre, 12 de agosto de 1984) é um futebolista brasileiro. Atua como meia. Joga pelo Platanias, da Grécia.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Marcelo começou sua carreira de jogador profissional no Internacional, em 2004. Semelhantemente ao que houve com seu colega das divisões de base, Rafael Sobis, era no início conhecido apenas por seu prenome, "Marcelo", passando a ser chamado pelo sobrenome por ideia do presidente do clube, Fernando Carvalho. "Labarthe", fruto de sua ascendência francesa (possui também italiana, pelo seu outro sobrenome, "Martini"), poderia despertar mais interesse do mercado europeu, onde haveria a possibilidade de obter dupla cidadania.[1] Acabou prevalendo seu nome juntamente com o sobrenome, "Marcelo Labarthe".

Um ano depois, foi para o Sporting, como parte do pagamento do passe de Tinga. O jogador, no entanto, não foi muito aproveitado pelo clube de Lisboa. Foi emprestado, então, ao Beira-Mar, na temporada 2005/06. Na temporada 2006/07, foi novamente emprestado; desta vez, ao Vitória de Setúbal.

Em agosto de 2007, o Grêmio o contratou por empréstimo junto ao Sporting. Labarthe assinou contrato com o clube gaúcho, arquirrival do time que o revelou para o futebol, em 17 de agosto de 2007. Inicialmente, Labarthe era aproveitado na equipe titular. Porém, no início de 2008, ele foi dado como transferível pelo Grêmio. Como seu contrato com o Tricolor ia até 30 de junho de 2008, ele teve de ficar treinando à espera de propostas de outros clubes ou do final de seu empréstimo. Quando finalmente seu empréstimo acabou, ele ficou sem clube.

Em janeiro de 2009, Labarthe acertou a sua ida para o Ventforet Kofu, do Japão, vendido pelo Sporting, que detinha seus direitos federativos.[2]

Em maio de 2010, Labarthe acarta com o Caxias. Em 2011, disputou o Gauchão pelo São José, o Zequinha.

Em 2012, acertou com o Comercial.

Desde Janeiro de 2013 defende as cores do Plataniás, clube da Super League Grega.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Internacional


Caxias

Referências

  1. "A estrela Sobis", Leandro Behs, Placar número 1289, dezembro de 2005, Editora Abril, pág. 78
  2. Meia Marcelo Labarthe vai jogar no futebol japonês - FinalSports
Ícone de esboço Este artigo sobre futebol brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.