Marco Ricca

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita uma ou mais fontes fiáveis e independentes, mas ela(s) não cobre(m) todo o texto (desde janeiro de 2014).
Por favor, melhore este artigo providenciando mais fontes fiáveis e independentes e inserindo-as em notas de rodapé ou no corpo do texto, conforme o livro de estilo.
Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Marco Ricca
Nascimento 28 de novembro de 1962 (51 anos)
São Paulo, SP
Nacionalidade  brasileiro
Cônjuge Adriana Esteves (1993-2003)
Ocupação ator, cineasta

Marco Antonio Ricca (São Paulo, 28 de novembro de 1962) é um ator e cineasta brasileiro.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Estreou na carreira televisiva, em 1993, na Rede Globo, ao participar da novela Renascer, já em papel de destaque, como o co-protagonista José Augusto. Posterior a esse trabalho, transferiu-se para o SBT, onde atuou, em 1994, na novela Éramos Seis.

Em 1995, fez uma rápida passagem pela teledramaturgia da Rede Bandeirantes, participando da novela A Idade da Loba. Em seguida, retornou ao SBT, para protagonizar a novela Razão de Viver. Foi nessa época que inicou um affair com a atriz Adriana Esteves, com quem contracenou na novela. Os dois casaram-se e tiveram um filho. A separação aconteceu amigavelmente, em 2003.

Em 1997, retornou definitivamente para a Rede Globo, emissora a qual permanece contratado até os dias atuais. Atuou na novela Por Amor e, em 1998, integrou o elenco do remake de Pecado Capital, na pele do bandido Miguel.

Em 1999, fez uma participação na novela Força de Um Desejo e ainda, ganhou o prêmio Lente de Cristal de Melhor Ator Coadjuvante no Festival de Cinema Brasileiro de Miami, por Até que a Vida nos Separe.

Em 2000, participaria de sua primeira minissérie, Aquarela do Brasil e, em 2001, recebeu uma indicação de Melhor Ator no Grande Prêmio Cinema Brasil, pelo filme O Invasor, tendo sido muito elogiado pela crítica por sua atuação no longa.

Em 2002, viveu um dos personagens centrais da novela O Beijo do Vampiro. Depois, emendou com Kubanacan, novela exibida logo após o fim de O Beijo do Vampiro, tendo entrado na trama já no meio para permanecer até o fim, porém insatisfeito com os rumos dados a sua personagem, pediu para sair.

Em 2005, esteve presente no grande sucesso do Projeto Quadrante, Hoje é Dia de Maria e, ainda atuou na novela Bang Bang. Novamente, insatisfeito com os rumos da novela, pediu para deixar a produção. Em 2006, obteve a honra de representar o dono da emissora da qual é contratado, Roberto Marinho, na minissérie JK. Também nesse ano, atuou como produtor, roteirista e ator no filme Crime Delicado.

Em 2007, mostrou seu lado cômico na novela Paraíso Tropical, como Gustavo, homem simples que vive as turras com a esposa, vivida por Isabela Garcia. Em 2008, recusou o convite para antagonizar o remake de Ciranda de Pedra e, em 2009, protagonizou o seriado Tudo Novo de Novo.

Em 2009, dirigiu seu primeiro longa, Cabeça a Prêmio, com Alice Braga e Fúlvio Stefanini.

Em 2010, vive o batalhador Gino em Ti Ti Ti e no ano seguinte integra o elenco de O Astro na pele do ambicioso Samir Hayalla, o grande vilão da trama.

Em 2013 esteve em Sangue Bom como o empresário Wilson. E em 2014, volta à TV interpretando Silvio, na série Doce de Mãe, mesmo personagem que ele interpretou no telefilme homônimo.

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Televisão[editar | editar código-fonte]

Ano Título Personagem Notas
1993 Renascer José Augusto
1994 Você Decide Episódio Flor de Outono.
1994 Éramos Seis Felício SBT
1995 Você Decide Episódio: O Matador
1995 A Idade da Loba
1996 Razão de Viver André SBT
1997 Por Amor Nestor Pereira
1998 Você Decide Episódio Assassino em Potencial
1998 Pecado Capital Miguel
1999 Você Decide Episódio: Trio em Lá Menor
1999 Você Decide Episódio: Faça a Coisa Certa
1999 Força de um Desejo Pedro Afonso
2000 Aquarela do Brasil Filipe
2001 Brava Gente Famigeradô Episódio: Arioswaldo e Sua Mãe Centenária
2001 Brava Gente Santinho Toledo Episódio O Crime Imperfeito
2002 A Grande Família Tarcísio Episódio: Nenê ao Volante, Perigo de Amante
2002 Os Normais Rique Episódios: Tudo Normal Até Que, Mais do que Normal, O Tipo da Coisa Normal
2002 O Beijo do Vampiro Augusto
2003 Kubanacan Celso
2004 Histórias de Cama & Mesa Armando Especial de Fim de Ano
2005 Hoje é dia de Maria Cangaceiro
2005 Bang Bang Patrick Gogol/Edgard Stuart
2006 JK Roberto Marinho
2007 Paraíso Tropical Gustavo
2009 Tudo Novo de Novo Miguel
2010 Ti Ti Ti Higino Oliveira (Gino)
2011 O Astro Samir Hayalla
2012 Cheias de Charme Arruda
2012 As Brasileiras Galã da Novela Episódio: Maria do Brasil
2012 Doce de Mãe Sílvio de Souza Especial de Fim de Ano
2013 Sangue Bom Wilson Rabelo
2014 Doce de Mãe Sílvio de Souza Seriado [1]

Cinema[editar | editar código-fonte]

Ano Filme Personagem
1992 Zuleika
1993 Batimam e Robim Léo/Batimam
1996 O Guarani Dom Álvaro Sá
1996 Olhos de Vampa Oscar
1997 O Que É Isso, Companheiro? Henrique
1999 Até que a Vida Nos Separe Paulo
1999 Tiradentes, o Filme Inácio Alvarenga Peixoto
2001 O Invasor Ivan
2003 Chatô, o Rei do Brasil Assis Chateaubriand
2003 Cristina Quer Casar Chico
2005 Crime Delicado Antonio Martins
2005 O Coronel e o Lobisomem Major Badejo
2005 O Casamento de Romeu e Julieta Romeu
2005 Rua 6, Sem Número Solano
2006 Canta Maria Filipe
2006 O Maior Amor do Mundo Maestro
2006 Sonhos e Desejos
2007 A Via Láctea Heitor
2008 Verônica Paulo
2009 Cabeça a Prêmio
2010 5x Favela - Agora por Nós Mesmos

Prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Festival de Gramado

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Marco Ricca
Ícone de esboço Este artigo sobre um ator é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.


Erro de citação: existem marcas <ref>, mas falta adicionar a predefinição {{referências}} no final da página