Maria Alcina

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Maria Alcina
Informação geral
Nascimento 22 de abril de 1949 (64 anos)
Origem Cataguases, Minas Gerais
País  Brasil
Gênero(s) MPB, Samba, carnaval
Instrumento(s) voz
Período em atividade 1966-atualmente
Gravadora(s) Outros Discos

Maria Alcina (Cataguases, 22 de abril de 1949) é uma cantora brasileira.

Entre seus maiores sucessos estão Fio Maravilha (Jorge Ben) — vencedora da fase nacional do Festival Internacional da Canção de 1972 — e Kid Cavaquinho (João Bosco e Aldir Blanc). Com Fio Maravilha, fez o Maracanãzinho vibrar e conquistou o estrelato.

Dona de uma voz grave e de uma presença de palco contagiante, ganhou o Troféu Imprensa, participou de programas de televisão como a Discoteca do Chacrinha, o Qual é a Música? e todos os outros da época. Percorreu o Brasil com seus shows e ficou conhecida internacionalmente. Sua maneira exótica de se vestir se compara muito a Carmem Miranda. No início de sua carreira, trabalhou durante seis anos em um circo.

No ano de 2004 gravou um CD de batida eletrônica, chamado Agora, com o Bojo, banda composta por Maurício Bussab, Fê Pinatti, Du Moreira e Kuki Stolarski. No CD, alguns clássicos de sua carreira, com roupagem eletrônica, como Eu dei, Alô, alô e Fio Maravilha; além desses sucessos, canções inéditas.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Accordrelativo20060224.png Este artigo sobre um(a) músico(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.