Maria Gripe

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Maria Gripe, nome verdadeiro: Maria Walter (Vaxholm, cidade próxima de Estocolmo, 25 de Abril de 19235 de Abril de 2007), foi uma escritora sueca de livros para crianças e adolescentes, muitas vezes escritos como um tom mágico e místico. Era casada com o artista sueco Harald Gripe, que ilustrou a maioria das capas dos seus livros.

As suas obras ganharam vários prémios, incluindo em 1974 o Prêmio Hans Christian Andersen, e foram traduzidas para vinte e nove idiomas.

Maria Gripe morreu em 5 de Abril de 2007 na sua casa vítima de uma doença originada por um vírus.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • I vår lilla stad (1954)
  • När det snöade ((1955)
  • Kung Laban kommer (1956)
  • Kvarteret Labyrinten (1956)
  • Sebastian och skuggan (1957)
  • Stackars lilla Q (1957)
  • Tappa inte masken (1959))
  • De små röda (1960)
  • Josefin (1961)
  • Hugo och Josefin (1962)
  • Pappa Pellerins dotter (1963), (com tradução brasileira: A filha do papai Pelerine, 1982)
  • Glasblåsarns barn (1964)
  • I klockornas tid (1965)
  • Hugo (1966)
  • Landet utanför (1967)
  • Nattpappan (1968)
  • Glastunneln (1969)
  • Tanten (1970)
  • Julias hus och nattpappan (1971)
  • Elvis Karlsson (1972)
  • Elvis, Elvis (1973)
  • Den gröna kappan (1974)
  • Ellen, dellen (1974)
  • Den riktiga Elvis (1976)
  • Att vara Elvis (1977)
  • Tordyveln flyger i skymningen (1978)
  • Bara Elvis (1979)
  • Agnes Cecilia - en sällsam historia (1981)
  • Skuggan över stenbänken (1982)
  • …och de vita skuggorna i skogen]](1984)
  • Godispåsen (1985)
  • Skuggornas barn (1986)
  • Boken om Hugo och Josefin (1986)
  • Skugg-gömman (1988)
  • Tre trappor upp med hiss (1991)
  • Eget rum (1992)
  • Egna världar (1994)

Prêmios (seleção)[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre a biografia de um(a) escritor(a), poeta ou poetisa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.