Maria Helena Rosas Fernandes

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém uma ou mais fontes no fim do texto, mas nenhuma é citada no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações. (desde janeiro de 2012)
Por favor, melhore este artigo introduzindo notas de rodapé citando as fontes, inserindo-as no corpo do texto quando necessário.

Maria Helena Rosas Fernandes (Brazópolis, MG, 08/07/1933) é uma compositora brasileira de música erudita, reconhecida internacionalmente, e também regente, pianista e professora.

Graduou-se em Piano no Conservatório Brasileiro de Música do Rio de Janeiro (em 1964) e em Composição e Regência na Escola Superior de Música Santa Marcelina, em São Paulo (1977). Também estudou com Souza Lima (aperfeiçoamento em piano), Osvaldo Lacerda, Almeida Prado, Robert Pratt e H. J. Koellretter.

Sua obra mais importante está na música de câmera e orquestra, tendo composto duas óperas. A partir do final da década de 70 passa a utilizar temas da cultura indígena em sua música.

É idealizadora e organizadora do Encontro Internacional de Mulheres Compositoras, realizado em Poços de Caldas (MG).

Entre suas composições para piano, estão: Estudos, Ciclos, Valsa, Prelúdio, Sinhá Marreca, Modinha. Algumas delas encontram-se gravadas em LPs e CDs de pianistas brasileiros, como Ruth Serrão e Luciana Soares.

Ganhou alguns concursos importantes ao longo de sua carreira, tanto no Brasil quanto no exterior. Destacam-se, dentre outros, o Prêmio Internacional de Composição Nancy Van de Vate, em 2006, pela ópera Marília de Dirceu.

Fontes[editar | editar código-fonte]

http://www.unicamp.br/unicamp/unicamp_hoje/ju/setembro2006/ju337pag11.html

http://catalogopianoscar.org/catalogodicionario/indice__f/fernandesmariahelenarosas.htm