Maria Luísa d'Orleães (1662-1689)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes fiáveis e independentes. (desde Setembro de 2013). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Maria Luisa de Orléans, rainha da Espanha.

Maria Luísa d'Orleães (Palais Royal, 27 de março de 1662Madri, 12 de fevereiro de 1689) foi a rainha consorte da Espanha.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Era filha de Filipe I, Duque d'Orleães e de sua prima e primeira esposa Henriqueta Ana Stuart. Os seus avós paternos eram Luís XIII de França e Ana da Áustria. Seus avós maternos eram Carlos I de Inglaterra e Henriqueta da França.

O seu tio paterno era Luís XIV da França. Entre os seus tios maternos figuravam Carlos II da Inglaterra e Jaime II da Inglaterra.

Foi a primeira esposa do rei Carlos II da Espanha, com quem se casou em 1679. Assustada com a ideia deste casamento, ela lançou-se aos pés de Luís XIV pedindo para que ele renunciasse a este projeto: rindo, o Rei diz-lhe que não é digno que a rainha da Espanha ajoelhe-se aos pés do rei de França. Não tiveram filhos, e seu marido também não teve filhos com sua segunda esposa, Maria Ana de Neuburgo. Embora seja apreciada pela sua beleza, depois do seu casamento sem amor com o parvo rei da Espanha, ela entrou em depressão e obesidade mórbida. Sofreu a hostilidade da Corte que manipula o fraco soberano e joga-o contra sua esposa, mesmo assim ela fica grávida mas não efetua a sua gravidez a tempo. Morreu com apenas vinte e sete anos.

Referências

Precedido por
Mariana de Áustria
Rainha de Espanha
Coat of Arms of Marie Louise of Orléans, Queen Consort of Spain.svg

16791689
Sucedido por
Maria Ana de Neuburgo