Maria Vladimirovna da Rússia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Maria Vladimirovna
Grã-duquesa da Rússia
Governo
Consorte Francisco Guilherme da Prússia
Vida
Nascimento 23 de Dezembro de 1953 (60 anos)
Madrid, Espanha
Filhos Jorge Mikhailovich da Rússia
Pai Vladimir Kirillovich da Rússia
Mãe Leonida Bagration-Mukhrani

Maria Vladimirovna, grã-duquesa da Rússia (Мари́я Влади́мировна Рома́нова), (23 de Dezembro de 1953), é uma das pretendentes ao trono russo desde 1992. Tem vindo a usar o título de grã-duquesa como título de pretensão com o estilo de Alteza Imperial, apesar do seu direito a usá-lo tenha sido disputado.[1] É uma descendente da rainha Vitória através da sua avó, a grã-duquesa Vitória Melita da Rússia, e também do czar Alexandre II da Rússia.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Maria Vladimirovna nasceu em Madrid, sendo a única filha do grão-duque Vladimir Kirillovich da Rússia, chefe da família imperial da Rússia e imperador titular da Rússia.[2] e da princesa Leonida Bagration-Mukhrani (divorciada do americano Sumner Moore Kirby). Os seus avós paternos eram o grão-duque Cyril Vladimirovich da Rússia e a grã-duquesa Vitória Fedorovna (nascida princesa Vitória Melita de Edimburg e Saxe-Coburgo-Gota). Maria foi educada em Madrid e Paris antes de passar alguns semestres na Universidade de Oxford onde estudou história e literatura.[3]

No dia 23 de Dezembro de 1969, quando atingiu a maioridade dinástica, Maria jurou o juramente de lealdade ao seu pai e à Rússia. Ao mesmo tempo, o seu pai publicou um decreto controverso, onde declarava que, no caso de os homens Romanov que ele considerava dinásticos morressem antes de si, então Maria tornar-se-ia "curadora do trono imperial". Isto foi visto como uma tentativa por parte do seu pai para que a linha de sucessão permanecesse no seu ramo da família. Os chefes de outros ramos, os príncipes Vsevolod Ioannovich (dos Constantinovich), Romano Petrovich (Nikolaevich) e André Alexandrovich (Mikhailovich) consideraram esta acção ilegal.

Família Imperial Russa
Família de Maria Vladimirovna
Coat of Arms of the Russian Empire

SAI a Grã-duquesa

  • SAI&R o Grão-duque George

  • SA o Príncipe Nicholas
    SA a Princesa Sveva
    • SAS a Princesa Natalia
    • SAS a Princesa Elizabeth
    • SAS a Princesa Tatiana
  • SAS o Príncipe Dimitri
    SAS a Princesa Dorrit

No dia 22 de Setembro de 1976, em Madrid, Maria casou-se com o príncipe Francisco Guilherme da Prússia. Francisco Guilherme converteu-se à fé ortodoxa para se puder casar, adoptando o nome Miguel Pavlovich e também recebeu o título de grão-duque da Rússia por parte do pai de Maria. O casal separou-se em 1982, um ano depois do nascimento do seu único filho, Jorge Mikhailovich, que também recebeu o título de grão-duque da Rússia.

Maria Vladimirovna vive entre França e Espanha. Fala fluentemente russo, inglês, francês e espanhol e também consegue falar e ler alemão, italiano e árabe. Também está na linha de sucessão para os reinos da Commonwealth.

Referências

  1. Flintoff, John-Paul (19 September 2003). "Lunch with the FT: Nicholas Romanov". Financial Times. http://search.ft.com/nonFtArticle?id=030919002239
  2. "Empress Maria in Vladivostok". Vladivostok Times. 11 de Julho de 2007
  3. "Maria I Wladimirovna". imperialhouse.ru. http://www.imperialhouse.ru/eng/imperialhouse/chipdom/maria.html.