Marinha da Líbia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Marinha da Líbia
País  Líbia
Corporação Forças Armadas da Líbia
Missão Força naval
Criação 1962
Logística
Efetivo 2 800 combatentes
Insígnias
Insígnia 1 Naval ensign of Libya.svg
Comando
Ministro da Defesa Abdullah al-Thanay
Chefe do Estado-maior Hassan Ali Bushnak
Sede
Quartel General Trípoli

A Marinha Líbia é a força marítima da Líbia, estabelecida em novembro de 1962. É uma marinha pequena que tem em seu inventário algumas fragatas, corvetas e navios-patrulha para proteger a sua costa mas com pouca capacidade defensiva real. A marinha sempre foi o menor ramo das Forças Armadas da Líbia e sempre foi dependente de material estrangeiro.[1]

Seus primeiros navios de guerra foram entregues em 1966. O efetivo era formado apenas por pequenos navios mas quando o coronel Muammar al-Gaddafi chegou ao poder em 1969 isso mudou. A partir daí, a Líbia passou a comprar grandes quantidades de armamentos da Europa e da União Soviética. O departamento de polícia marítima foi fundida a Marinha em 1970, estendendo o trabalho da marinha para impedir contrabando e tarefas alfandegárias. Cerca de 8 000 homens serviam na Marinha Líbia em seu apogeu.

Durante a guerra civil que atingiu o país em 2011, vários navios da marinha foram destruídos por forças aéreas e navais da OTAN, incluindo 8 navios de guerra apenas na noite de 20 de maio.[2] Várias bases navais também foram bombardeadas pelos Aliados e muitos marinheiros desertaram o antigo governo e passaram a lutar ao lado do Conselho Nacional de Transição.

Fotos[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]