Maryam Hatoon Molkara

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Maryam Hatoon Molkara (nascida em 1950) é uma activista e mulher transexual do Irã. Molkarala teve papel fundamental para a obtenção de uma carta (que serviu como uma fatwa) da parte do Ayatollah Khomeini, que veio possibilitar que as pessoas transexuais pudessem fazer a transição de género no serviço nacional de saúde iraniano, e que suas identidades fossem reconhecida legalmente.

References[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.