Massimo Tamburini

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Massimo-tamburini.jpg

Massimo Tamburini (Rimini, 28 de novembro de 1943 — 6 de abril de 2014)[1] foi um engenheiro e projetista italiano de motocicletas,[2] co-fundador da marca Bimota[3] e que trabalhou nas fabricantes MV Agusta e Ducati durante 23 anos.[2]

Chefe de engenharia e design da MV Agusta, anunciou sua aposentadoria no final de 2008.[2] Dentre suas criações na empresa, destaca-se a MV Agusta F4.[2] [4] Já na Ducati, destacam-se a Ducati 916[5] e Ducati Paso - esta em homenagem ao piloto italiano Renzo Pasolini que morreu durante uma corrida.[6]

Referências

  1. Si è spento Massimo Tamburini, anima della Bimota e Sigismondo nel 2012 (em italiano) Newsrimini.it (6 de abril de 2014).
  2. a b c d "Massimo Tamburini deixa a MV Agusta". Visitado em 10 de setembro de 2010.
  3. "Bimota Tesi 3D". Visitado em 10 de setembro de 2010.
  4. "As 10 motos mais influentes dos anos 90 nos EUA ". Visitado em 10 de setembro de 2011.
  5. "Massimo Tamburini se aposentará". Visitado em 10 de setembro de 2011.
  6. "Renzo Pasolini". Visitado em 10 de setembro de 2011.