Massimo d'Alema

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Massimo d'Alema
Massimo d'Alema
Primeiro-ministro da  Itália
Mandato 1º - 21 de outubro de 1998
até 22 de dezembro de 1999

2º - 22 de dezembro de 1999
até 25 de abril de 2000

Antecessor(a) 1º - Romano Prodi

2º - Massimo D'Alema

Sucessor(a) 1º - Massimo D'Alema

2º - Giuliano Amato

Vida
Nascimento 20 de Abril de 1949 (64 anos)
Roma
Dados pessoais
Partido Partito Democratico - PD
Profissão Jornalista

Massimo d'Alema (Roma, 20 de abril de 1949) é jornalista e político italiano.

Foi militante do PCI desde sua juventude e acompanhou o partido em sua metamorfose social-democrata e neoliberal. Como primeiro-ministro da Itália, de 1998 a 2000, participou do ataque militar orquestrado pelo governo norte-americano à ex-República Federal da Jugoslávia. Foi também ministro dos Negócios Estrangeiros do governo de Romano Prodi, entre 17 de maio de 2006 e 8 de maio de 2008. Desde 14 de outubro 2007 é um dos expoentes do Partido Democrático.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Precedido por
Romano Prodi
Primeiro-ministro da Itália
1998 - 1999
Sucedido por
Massimo d'Alema
Precedido por
Massimo d'Alema
Primeiro-ministro da Itália
1999 - 2000
Sucedido por
Giuliano Amato
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Ícone de esboço Este artigo sobre um político é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.