Matilde de Flandres

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Matilde
Rainha Consorte da Inglaterra
Reinado 25 de dezembro de 1066
a 2 de novembro de 1083
Coroação 11 de maio de 1068
Predecessora Edite de Mércia
Sucessora Edite da Escócia
Marido Guilherme I de Inglaterra
Descendência
Roberto II da Normandia
Ricardo da Normandia
Guilherme II de Inglaterra
Matilde da Normandia
Cecília da Normandia
Henrique I de Inglaterra
Adeliza da Normandia
Constância da Normandia
Adela da Normandia
Casa Flandres
Pai Balduíno V de Flandres
Mãe Adela de França
Nascimento c. 1031
Morte 2 de novembro de 1083 (52 anos)
Enterro Abadia de Sainte-Trinité, Caen, Normandia

Matilde de Flandres (c. 1031Caen, 2 de novembro de 1083) foi filha de Balduíno V, conde de Flandres, e de Adela de França. Era conhecida por ser muito baixa, mas sabe-se muito pouco a respeito de sua juventude.

O fato de ela ser descendente de Alfredo, o Grande, rei da Inglaterra, foi uma das razões que levou Guilherme da Normandia, a pedi-la em casamento. Aparentemente ela o rejeitou, uma vez que não queria casar com um bastardo. Furioso, Guilherme a abordou e a agrediu. Tal comportamento bastante inconvencional levou-a a mudar de ideia e eles casaram em 1051, embora tenham tido que esperar até 1059 antes de receber a permissão papal.

Guilherme confiava bastante nela e ela agia como regente sempre que ele estava ausente. Depois da conquista da Inglaterra, ela foi coroada a rainha de Guilherme em Winchester. Ela foi para o norte da Inglaterra com ele e, em Selby, deu à luz o futuro rei Henrique I, provavelmente o seu décimo ou décimo-primeiro filho. Em 1069, ela voltou para o Ducado da Normandia, onde permaneceu no governo.

Quando ela adoeceu em 1083, Guilherme viajou à Normandia para ficar a seu lado. Morreu em Caen, onde foi sepultada.


Matilde de Flandres
Casa de Flandres
c. 1031 – 2 de novembro de 1083
Precedida por
Edite de Mércia
Rainha Consorte da Inglaterra
25 de dezembro de 1066 – 2 de novembro de 1083
Sucedida por
Edite da Escócia