Matilde de Inglaterra

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes fiáveis e independentes. (desde setembro de 2010). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Matilde
Retrato do século XV
Imperatriz do Sacro Império Romano-Germânico
Reinado 7 de janeiro de 1114 - 23 de maio de 1125
Predecessora Eupráxia de Kiev
Sucessora Ricarda de Northeim
Rainha dos Romanos
Reinado 7 de janeiro de 1114 - 23 de maio de 1125
Predecessor Constança da Sicília
Sucessor Ricarda de Northeim
Maridos Henrique V, Sacro Imperador Romano-Germânico
Godofredo V de Anjou
Descendência
Henrique II de Inglaterra
Godofredo de Nantes
Guilherme FitzEmpress
Casa Normandia
Pai Henrique I de Inglaterra
Mãe Edite da Escócia
Nascimento c. 7 de fevereiro de 1102
Sutton Courtenay, Inglaterra
Morte 10 de setembro de 1167 (65 anos)
Ruão, Normandia, França
Enterro Catedral de Ruão

Matilde (Sutton Courtenay, c. 7 de fevereiro de 1102Ruão, 10 de setembro de 1167) foi uma reivindicante ao trono inglês durante a guerra civil conhecida como A Anarquia. Era filha do rei Henrique I de Inglaterra e Edite da Escócia, indo morar na Germania ainda criança depois de se casar com o futuro Henrique V, Sacro Imperador Romano-Germânico. Ela viajou com o marido até a Itália em 1116, sendo coroada na Basílica de São Pedro e agindo como regente da região. Matilde e Henrique não tiveram filhos e, depois da morte dele em 1125, a coroa passou para Lotário III, um de seus inimigos políticos.

Enquanto isso, seu irmão Guilherme Adelin morreu no naufrágio do White Ship em 1120, deixando a Inglaterra com uma potencial crise sucessória. Ela foi chamada de volta a Normandia por seu pai após a morte de Henrique V, que arranjou seu casamento com Godofredo V de Anjou a fim de formar uma aliança para proteger suas fronteiras no sul. Henrique I não tinha outros filhos legítimos e nomeou Matilde como herdeira, fazendo sua corte prestar um juramento de lealdade a ela e seus sucessores, porém isso não foi popular na corte anglo-normanda. Henrique morreu em 1135, porém Matilde e Godofredo enfrentaram oposição dos barões normandos e não conseguiram ir atrás de suas reivindicações. O trono acabou sendo tomado por Estêvão de Blois, seu primo, que recebeu o apoio da Igreja da Inglaterra. Estêvão tomou medidas para solidificar seu reinado, porém enfrentou ameaças de forças externas e oponentes internos.

Selo da Imperatriz.

Ela invadiu a Inglaterra com um exército em 1139, apoiada por seu meio-irmão Roberto, 1º conde de Gloucester, e seu tio David I da Escócia, enquanto Godofredo focava sua atenção em conquistar a Normandia. As forças de Matilde capturaram Estêvão na Batalha de Lincoln em 1141, porém ela não conseguiu ser coroada na Abadia de Westminster por enfrentar enorme oposição dos habitantes de Londres. Como resultado dessa retirada, Matilde nunca foi formalmente declarada rainha e acabou recebendo o título de Senhora dos Ingleses. Roberto acabou sendo capturado no Tumulto de Winchester e Matilde concordou em trocá-lo por Estêvão. Ela acabou cercada no Castelo de Oxford naquele inverno, porém conseguiu escapar cruzando o rio Isis durante a noite. A guerra chegou em um impasse, com Matilde controlando boa parte do sudoeste da Inglaterra enquanto Estêvão mantinha o sudeste e as terras centrais. Grandes partes do restante do reino estavam nas mãos de barões locais.

Ela voltou para a Normandia em 1148 para se juntar a Godofredo, deixando seu filho mais velho para continuar a campanha na Inglaterra; eventualmente, ele fez um acordo com Estêvão e o sucedeu como rei Henrique II em 1154. Matilde estabeleceu sua corte perto de Ruão e passando o resta de sua vida focando sua atenção na administração da Normandia, agindo em nome do filho quando necessário. Ela deu conselhos políticos, principalmente durante os primeiros anos do reinado de Henrique, também tentando mediar a controvérsia com Tomás Becket. Ela trabalhou muito com a igreja, fundando monastérios da Ordem de Cister, e sendo conhecida por seu muito devota. Ela morreu em 1167 em Ruão.

Na cultura popular[editar | editar código-fonte]

Matilde foi representada pela atriz canadense Alison Pill na minissérie Os pilares da Terra,que é baseada no livro de mesmo nome do autor Ken Follet.

Ancestrais[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]


Precedida por:
Novo título
Senhora dos Ingleses
1141 - 1148
Sucedida por:
Vago
Precedida por:
Constança da Sicília
Rainha dos Romanos
7 de janeiro de 1114 - 23 de maio de 1125
Sucedida por:
Ricarda de Northeim
Precedida por:
Eupráxia de Kiev
Imperatriz do Sacro Império Romano-Germânico
7 de janeiro de 1114 - 23 de maio de 1125
Sucedida por:
Ricarda de Northeim


O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Matilde de Inglaterra