Mauro Beting

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta biografia de uma pessoa viva não cita as suas fontes ou referências, o que compromete sua credibilidade. (desde agosto de 2012)
Ajude a melhorar este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes. Material controverso sobre pessoas vivas sem apoio de fontes fiáveis e verificáveis deve ser imediatamente removido, especialmente se for de natureza difamatória.
Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Mauro Beting
Nascimento 2 de Setembro de 1966 (47 anos)
São Paulo,  São Paulo
Nacionalidade  brasileiro
Ocupação jornalista esportivo
Principais trabalhos Rede Bandeirantes
Rede Globo
ESPN Brasil
SporTV

Mauro Alexandre Zioni Beting (São Paulo, 2 de setembro de 1966) é um jornalista esportivo brasileiro.

Mauro Beting, paulistano de 47 anos, é jornalista formado pela FIAM em 1988 e fez cinco anos de Faculdade de Direito na USP. Estudou nos colégios Lourenço Castano (1972 a 1977) e Dante Alighieri (1978 a 1984).

É jornalista desde março de 1987. Trabalhou como produtor e apresentador na TV Bandeirantes, de 1987 a 1991, conciliando, desde 1989, com reportagem de política e crítica musical na ”Folha da Tarde” paulista. Por dois anos apresentou programa de rock alternativo na Brasil 2000 FM com Kid Vinil (1990-91). Em 1990 começou a escrever coluna diária de esportes no jornal paulistano “Folha da Tarde”, enquanto dava aula de reportagem na Fiam (de 1990 a 1993), e escrevia crônicas para revista do shopping Morumbi e uma coluna de economia para um jornal do Mato Grosso.

Desde a Copa de 1990, se especializou na área esportiva, fazendo cursos de arbitragem (1995) e treinador de futebol (1997).

Como comentarista e apresentador de rádio, trabalhou na Gazeta (1991 a 1996), Rádio USP (1991 a 1994), RádioTrianon (2001) e Rádio Bandeirantes (desde 2003), onde conquistou oito prêmios ACEESP como melhor comentarista de rádio (recorde histórico na categoria).

Como comentarista e apresentador de TV, trabalhou na TV Gazeta (1991 a 1995), Sportv (1995 a 1997), TV Bandeirantes (1997 a 2001, e desde 2004), PSN (2000 a 2001), TV Cultura (2000), TV Record (2002 a 2003), Bandsports (desde 2004) e TV Esporte Interativo (desde 2007), onde recebeu três prêmios ACEESP como comentarista de TV, e foi eleito “melhor comentarista de TV” em enquete do UOL, em abril de 2013, com mais de 45 mi votos.

Como colunista de jornal, “Folha da Tarde” (de 1990 a 2006) e “Lance!” (desde 2006), quando foi por cinco vezes finalista do Prêmio Comunique-se na categoria jornalista de imprensa escrita.

Como colunista de revista, “Trivela” (de 2006 a 2008), “Fut Lance!” (de 2008 a 2012) e “Foot Balll” (em 2010-11).

Como colunista de portal de internet, coluna semanal no portal da PSN (2000 a 2001), “America Online” (de 2002 a 2004), Yahoo! (desde 2005) e portal Cidade do Futebol (desde 2008).

Como blogueiro, no Lancenet!, desde 2006.

Como videoblogueiro, no Yahoo! desde 2010.

Como comentarista da Rádio e TV Lance!, na internet, desde 2008.

Foi professor de Jornalismo na Fiam, de 1990 a 1993.

Tem 13 livros publicados:

Bolas e Bocas – Frases de Craques e Bagres do Futebol – Editora LeiaSempre, 2003

Formação e Informação Esportiva: Jornalismo Esportivo – Editora Summus, 2005, com Sergio Vilas Boas, José Eduardo de Carvalho, José Cruz, Flavio Gomes, Elias Awad, Denise Mirás e Cláudia Coutinho.

O Dia em Que Me Tornei Palmeirense – Panda Books, 2006

Os 10 Mais do Palmeiras – Maquinária Editora, 2009

As Melhores Seleções Estrangeiras de Todos os Tempos – Editora Contexto, 2010

Memórias Futebolísticas de Mauro Beting – Palmeiras – Futebol é com a Rádio Bandeirantes – Audiolivro Panda Books, 2011

1981 – Como um craque idolatrado, um time fantástico e uma torcida inigualável fizeram o Flamengo ganhar tantos títulos e conquistar o mundo em um só ano – Maquinária Editora, 2011, com André Rocha.

Nunca Fui Santo – a autobiografia de Marcos, Universo dos Livros, 2012

A Ira de Nasi – a biografia do Ira! e de Nasi, Editora Belas Letras, 2012, com Alexandre Petillo.

Palmeiras 1993 – O fim do jejum, o início da Lenda – A autobiografia de Evair, BB Editora, 2013, com Fernando Galuppo.

Neymar – Conversa entre pai e filho – a autobiografia de Neymar e Neymar Jr, Universo dos Livros, 2013, com Ivan Moré.

Nós Acreditamos – Atlético Mineiro campeão da Libertadores 2013 – BB Editora, 2013, com Leonardo Bertozzi e Mario Marra.

20 Jogos Eternos do Palmeiras – Maquinária Editora, 2013


A autobiografia do goleiro Marcos foi o livro mais vendido do Brasil por duas semanas na relação da revista Veja. O livro foi lançado em agosto de 2013 em uma livraria paulista e teve público recorde de mais de 8 mil presentes. O goleiro assinou a obra das 18h30 até 2h50 da manhã.

Atualmente está escrevendo mais cinco livros, sem contar orelhas, prefácios, apresentações e posfácios.

Até 2014 lançará mais três biografias, e dois livros sobre música e futebol.

Até 2015 será co-roteirista e co-diretor da trilogia oficial de filmes do Palmeiras. O primeiro será lançado até o final de 2013 – 12 de Junho de 1993 – O Dia da Paixão Palmeirense, com roteiro e direção de Jaime Queiróz, montagem de Abner Palma, produção de Kim Teixeira e da Canal Azul.

Além de co-roteirista e co-diretor de séries de programas a respeito da história do futebol para televisão.

Autor de mais de 50 prefácios, posfácios, apresentações e orelhas de livros sobre Jornalismo, Jornalismo Esportivo e futebol. A maioria relacionados a Corinthians e Palmeiras.

Apresenta palestras e eventos de esportes, Jornalismo e outras áreas.

É comentarista na versão em português do game Pro Evolution Soccer desde 2011. O videogame mais vendido do Brasil em qualquer categoria em 2012.

É mentor e produtor de um canal exclusivo para youtube de futebol e humor – C.H.U.P.A. F.C – Canal de Hominídeos Uniformizados Para Arregaçar o Futebol e o C...

Foi casado com a jornalista Helen Martins, apresentadora do Globo Rural, com quem tem dois filhos. Desde 2013 é casado com a gerente comercial e coach Silvana Ramenzoni Sefrin Beting.

Em 1º de agosto de 2013, foi demitido da Rádio Bandeirantes. A comoção causada pela sua saída nas redes sociais foi tão grande (chegou a ser o primeiro lugar no trending topic mundial no twitter) que foi recontratado no dia seguinte, depois de o colega de trabalho Neto oferecer o próprio cargo para que ele voltasse à rádio.

Em 2014 Mauro Beting deixa a Band, BandSports e o Esporte Interativo, continua apenas com alguns trabalhos na Rádio Bandeirantes e assim, assina contrato com a Fox Sports com o lançamento do canal Fox Sports 2, chega para comandar o Central Fox e provavelmente será escalado para a cobertura do canal na Copa do Mundo 2014 Brasil.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Mauro Beting
  • [1] no site LanceNet
  • [2] Nunca Fui Santo - o Livro Oficial do Marcos
Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) jornalista é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.