MediaGoblin

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
MediaGoblin
MediaGoblin logo
MediaGoblin homepage screenshot
Página inicial de um site MediaGoblin
Desenvolvedor GNU[1] [2]
Plataforma GNU/Linux,[3] Mac OS X[3]
Modelo do desenvolvimento Software Livre
Lançamento 2 de junho de 2011; há 185 semanas e 4 dias
Idioma(s) Multilingue
Escrito em Python, Celery, SQL
Sistema operativo Multiplataforma
Gênero(s) Compartilhamennto de mídia
Licença AGPLv3[4] e CC Zero
Estado do desenvolvimento Corrente
Página oficial mediagoblin.org (em inglês)., acessado pela última vez há 114 semanas e 3 dias

O GNU MediaGoblin (também conhecido apenas por MediaGoblin) é uma plataforma web (software servidor), descentralizada e de código-aberto, direcionada para a hospedagem e o compartilhamento de diversos formatos de mídia digital.[5] [6] Foi planejada com o intuito de ser uma alternativa extensível, federada e livre, aos principais serviços de publicação de mídia como Flickr, deviantArt e YouTube.[7] [8]

História[editar | editar código-fonte]

A origem do GNU MediaGoblin remonta a 2008, quando deu-se uma reunião na Free Software Foundation (Fundação do Software Livre) com o propósito de discutir os caminhos que as comunidades da Internet deveriam tomar. O consenso foi de que as estruturas centralizadas e restritivas eram tanto tecnicamente quanto eticamente discutíveis, sendo potencialmente prejudiciais a típica imparcialidade e disponibilidade da internet.[6] Desde então, inúmeros projetos com essa mesma perspectiva vêm surgindo, incluindo Identi.ca, Libre.fm, Diaspora, entre outros.

O código-fonte do MediaGoblin começou a ser escrito em março de 2011[9] , estando desde então em contínuo desenvolvimento.

  • 24/08/2012 — lançamento da versão 0.3.1, com suporte temático.
  • De outubro de 2012 a 9 de novembro, foi lançada pelo projeto uma campanha de financiamento coletivo por meio da Free Software Foundation.[10] [11] [12]
  • 20/12/2012 — lançamento da versão 0.3.2, com suporte a modelos 3D, coleções e API.
  • 12/03/2013 — lançamento da versão 0.3.3, com aperfeiçoamentos na interface e na API, e o abandono de processamentos desnecessários para alguns tipos de vídeos.
  • 17/06/2013 — lançamento da versão 0.4.0. Novo sistema de extensões, e suporte para os formatos PDF e OpenDocument por meio do PDF.js e LibreOffice, respectivamente. Implementação experimental da API Piwigo.[13]
  • 05/09/2013 — lançamento da versão 0.5.0, com um sistema de autenticação plugável (incluindo OpenID e Mozilla Persona), manuseador de mídia plugável e notificações de comentário.
  • 03/12/2013 — lançamento da versão 0.6.0. Administração de permissões de usuário via interface web, gerenciamento de desagravos de mídia, uploads não-interativos, autenticação via LDAP e cotas de disco para usuários específicos.

Design e características[editar | editar código-fonte]

O MediaGoblin é parte do projeto GNU[1] e tem o seu código-fonte lançado sob os termos da Licença Pública Geral Affero GNU[4] . Está, portanto, em consonância com os princípios de software livre e de código-aberto. Os direitos autorais sobre todo o resto (e.g. design, logo) pertencem ao domínio público. O mascote do projeto é um duende (goblin em inglês), de cor roxa e nome Gavroche, vestindo-se como um artista estereotipado.[14] O nome "MediaGoblin", em que também se faz um trocadilho com a pronúncia de "gobbling", foi sugerido por Christopher Allan Webber, desenvolvedor do software-base.[15]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b http://docs.mediagoblin.org/about.html#is-medagobilin-an-official-gnu-project-what-does-that-mean
  2. http://www.gnu.org/s/mediagoblin/
  3. a b MediaGoblin Wiki MediaGoblin Team. Visitado em 4 de março 2012.
  4. a b GNU MediaGoblin - Gitorious.
  5. FSF Directory Free Software Foundation. Visitado em 29 de fevereiro de 2012.
  6. a b MediaGoblin documentation GNU MediaGoblin. Visitado em 5 de março de 2012.
  7. MediaGoblin GNU MediaGoblin. Visitado em 5 de março de 2012.
  8. http://alt1040.com/2011/05/mediagoblin-el-proximo-gran-proyecto-gnu/comment-page-1#comment-589983
  9. Version 0.1.0 - Living the Dream GNU MediaGoblin. Visitado em 6 de março 2012.
  10. Bruce Byfield. "MediaGoblin: Saving the Internet Through Federation", Linux Magazine Online. Página visitada em 18 de outubro de 2012.
  11. Free Software Foundation (2012-10-11). FSF rallies support for GNU MediaGoblin to make media publishing free "as in freedom". Press release. Página visitada em 17 de outubro de 2012.
  12. MediaGoblin: Support MediaGoblin! — página da campanha de financiamento coletivo Página visitada em 20 de outubro de 2012.
  13. MediaGoblin 0.4.0 adds document support The H Open (18 de junho 2013). Visitado em 25 de junho 2013. Cópia arquivada em 26 de junho 2013.
  14. Free Software Supporter, Issue 57, December 2012 Free Software Foundation (7 de Dezembro de 2012). Visitado em 2 de Janeiro de 2012.
  15. Original Design Decisions¶ MediaGoblin. Visitado em 25 de Abril de 2014.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre MediaGoblin