Medicina geral e familiar

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Merge-arrows 2.svg
Foi proposta a fusão deste artigo ou se(c)ção com medicina de família e comunidade. Por favor crie o espaço de discussão sobre essa fusão e justifique o motivo aqui; não é necessário criar o espaço em ambas as páginas, crie-o somente uma vez. Perceba que para casos antigos é provável que já haja uma discussão acontecendo na página de discussão de um dos artigos. Verifique ambas (1, 2) e não se esqueça de levar toda a discussão quando levar o caso para a central.
Editor, considere adicionar mês e ano na marcação. Isso pode ser feito automaticamente, com {{Fusão|1=medicina de família e comunidade|{{subst:DATA}}}}.
Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor verifique e melhore a consistência e o rigor deste artigo. Pode encontrar ajuda no WikiProjeto Medicina.

Se existir um WikiProjeto mais adequado, por favor corrija esta predefinição.

Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde julho de 2009).
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.

Medicina Geral e Familiar é a denominação portuguesa para a Especialidade Médica que, tendo como objecto o ser humano como um todo, abrange toda a Medicina Geral, privilegiando a pessoa como ser único e diferente de todos os outros. Concentra-se na prestação de cuidados primários.

Nesta Especialidade Médica, o indivíduo é observado na sua componente biológica, psicológica e social. A Família, como unidade, é igualmente seu objecto de estudo. Admite-se que a doença de uma pessoa afecta toda a sua família, sendo o inverso igualmente verdade. A dinâmica familiar pode afectar positiva ou negativamente a evolução da doença. Essencialmente esta especialidade desenvolve-se junto da comunidade, oferecendo cuidados próximo daqueles que são os seus utentes. Além de dar resposta à maioria dos problemas de saúde, o Médico de Família deve adoptar toda uma série de gestos de Medicina Preventiva assim como compreender a dinâmica familiar que envolve os seus utentes.