Melanésia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Melanésia.
Povo Melanésio.

Melanésia (palavra de origem grega que significa "ilhas dos negros") é uma região da Oceania, no extremo oeste do Oceano Pacífico e a nordeste da Austrália, que inclui os territórios das ilhas Molucas, Nova Guiné, ilhas Salomão, Vanuatu, Nova Caledónia e Fiji.

O termo foi cunhado por Jules Dumont d'Urville em 1832 para identificar um grupo de ilhas com características étnicas distintas dos nativos da Polinésia e da Micronésia. Neste momento, classificação racial de d'Urville já não se pode considerar apropriada devido à diversidade cultural, linguística e genética dos habitantes da Melanésia e este nome é usado apenas para identificar uma região geográfica.

De facto, vários estudos genéticos dos povos da Oceania, combinados com achados arqueológicos mostram que os melanésios autóctones possuem um cromossoma Y com uma marca - H17 - que não se encontra nos polinésios. A cerâmica “Lapita” é de origem melanésia e foi levada para outras ilhas, mas sugere que os melanésios são um dos povos mais antigos do Pacífico, tendo chegado a esta região entre 40 a 50 mil anos atrás. Os melanésios parecem ter uma origem em comum com os aborígenes australianos.

São tradicionalmente considerados parte da Melanésia os seguintes territórios:

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre geografia (genérico) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.